Angola: Inflação aumentou para 22% em julho

O Índice de Preços no Consumidor Nacional (IPCN) em Angola aumentou para 22% em julho. Esta inflação representa um acréscimo de 5,69% face ao período homólogo, de acordo com os dados divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) do país.

A mesma entidade divulga que a classe “Alimentação e Bebidas não Alcoólicas” foi a que mais contribuiu para o aumento de preços, com 1,02% durante o mês de julho. Depois seguiram-se as classes “Bens e Serviços Diversos” (0,14%), “Vestuário e Calçado” (0,13%) e “Mobiliário, Equipamento Doméstico e Manutenção” (0,12%).

O INE mencionou igualmente a incidência inflacionária dos 24 produtos selecionados do cabaz de compras que mais contribuíram para a taxa de variação do IPCN. No conjunto representam 7% do total, mas concentram cerca de 45,88% da taxa global de variação da inflação.

Destacaram-se os aumentos dos serviços de táxi coletivo, a massa de tomate, o creme corporal e o pano ‘superwax’. Alimentos como arroz, óleo de soja, frango, carne bovina, cebola, sal e pão carcaça tiveram variações superiores a 2%.

Em termos mensais, a inflação registou uma variação de 1,78%, entre junho e julho.

Os bens e serviços que registaram as taxas mais elevadas pertencem às classes “Hotéis, Cafés e Restaurantes” (2,82%), “Bens e Serviços Diversos”, (2,09%), “Alimentação e Bebidas não Alcoólicas” (2,08%) e “Bebidas Alcoólicas e Tabaco” (2,03%).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Brasil: Guerra leva o país a escolher produzir fertilizantes em terras indígenas ou comprar do Irão 

Brasil: Guerra leva o país a escolher produzir fertilizantes em terras indígenas ou comprar do Irão 

A ministra da Agricultura do Brasil Tereza Cristina anunciou que vai apresentar um plano nacional para produção de fertilizantes no…
Moçambique: exoneração de Membros do Governo

Moçambique: exoneração de Membros do Governo

O Presidente da República, Filipe Jacinto Nyusi, no uso das competências que lhe são conferidas pela alínea a) do número…
Brasil não assina adesão à ação de 39 países contra o governo de Vladimir Putin 

Brasil não assina adesão à ação de 39 países contra o governo de Vladimir Putin 

O governo brasileiro não aderiu a uma ação de 39 países que solicitaram a abertura de investigações formais contra o…
Brasil vota nas Nações Unidas pela imediata retirada das tropas russas da Ucrânia 

Brasil vota nas Nações Unidas pela imediata retirada das tropas russas da Ucrânia 

A despeito da posição “neutra” declarada pelo presidente Jair Bolsonaro, o Brasil votou nesta quarta-feira (2) pela imediata retirada das…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin