Angola

Angola: Isabel dos Santos fechou escritórios em Lisboa e não pagou salários

Isabel dos Santos

A empresária angolana Isabel dos Santos viu-se obrigada a encerrar permanentemente os seus escritórios em Lisboa, capital de Portugal, após as suas contas terem sido congeladas.

A informação foi divulgada pelo Consórcio Internacional de Jornalistas de Investigação, responsável pelo caso ‘Luanda Leaks’, nome dado à investigação que revelou a rede de negócios da filha do ex-Presidente angolano, José Eduardo dos Santos, bem como do marido e sócios da visada. 

Este fecho, declarou a bilionária, deveu-se ao congelamento de ativos pelo recuo das suas empresas e perdas de empregos causadas por essa situação.

Um porta-voz da arguida confirmou à imprensa local o encerramento dos escritórios na Avenida da Liberdade, uma das zonas mais caras de Portugal, e a falta de pagamento de funcionários por quatro meses, além de renda e de outras contas nos últimos meses.

Recorde-se que muitas empresas de Isabel dos Santos foram arrestadas por ordem judicial, em dezembro de 2019, e determinadas contas foram congeladas.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo