Angola já ocupou vice-presidência do Conselho da FAO

A embaixadora Maria de Fátima Jardim assumiu nesta terça-feira, 29 de junho, a vice-presidência da 167.ª sessão do Conselho da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), em representação de África. 

No evento, que decorreu em Roma, capital italiana, a diplomata angolana reiterou o empenho de Angola na cooperação necessária para transformar os sistemas alimentares e nutricionais no mais importante desafio para o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável para as gerações futuras. 

A Representante Permanente de Angola junto da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO) apelou ao diálogo continuo, à colaboração e à cooperação para a implementação e integração da agricultura no pilar da nutrição e do crescimento. 

“É importante transformarmos os sistemas alimentares em uma base sólida, onde todos somos aliados e promotores da nova era que queremos fortalecer e construir”, salientou. 

Maria de Fátima Jardim é também representante permanente junto do Programa Alimentar Mundial (PAM) e do Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA).

Deixe uma resposta




Artigos relacionados

Moçambique: Chuvas matam três pessoas em Cabo Delgado

Moçambique: Chuvas matam três pessoas em Cabo Delgado

As chuvas intensas que caíram nos últimos dias, no distrito de Chiúre, região sul de Cabo Delgado, causaram a morte…
Cabo Verde: PR condena "actos violentos antidemocráticos" no Brasil

Cabo Verde: PR condena "actos violentos antidemocráticos" no Brasil

O Presidente da República de Cabo Verde, José Maria Neves, condenou neste domingo, 08 de janeiro, os “actos violentos antidemocráticos”…
Brasil: ONU condena tentativa de golpe contra a democracia brasileira

Brasil: ONU condena tentativa de golpe contra a democracia brasileira

A mais alta instância da diplomacia internacional emitiu um alerta sobre a crise vivida pelo Brasil. O secretário-geral da ONU,…
Cabo Verde: SINDPROF contra passagem automática dos alunos do 1º ao 4º ano

Cabo Verde: SINDPROF contra passagem automática dos alunos do 1º ao 4º ano

Lígia Herbert, Presidente do SINDPROF, reitera que “é urgente arrepiar caminhos e acabar com as passagens automáticas, para o bem…