Angola: João Lourenço critica manifestação no Brasil

O Presidente da República de Angola, João Lourenço, condena a manifestação ocorrida em Brasília, capital brasileira, neste domingo, 08 de janeiro. Vários protestantes invadiram o Congresso Nacional, o Palácio do Planalto e o Supremo Tribunal Federal (STF). 

“Consideramos estas manifestações lamentáveis e reveladoras de um elevado grau de intolerância não compatível com as regras do jogo democrático, em que os resultados legitimados pelo voto popular devem ser reconhecidos e aceites por todos”, declarou na noite do sucedido, através da página oficial da Presidência da República no Facebook. 

O governante manifestou assim a mais vigorosa e firme condenação aos actos realizados contra as instituições que representam e simbolizam a democracia brasileira. 

Segundo João Lourenço, as eleições presidenciais brasileiras de 2022 foram reconhecidas mundialmente como livres, justas e transparentes, não fazendo assim qualquer sentido as reivindicações atuais. 

Também enquanto atual Presidente da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), expressou a convicção de que o Governo brasileiro, com o qual manifesta solidariedade, exerça a sua autoridade e reponha, sem demora, a ordem democrática no país.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

KEEPTALENT Portugal anuncia Paula Delgado como nova partner da empresa

KEEPTALENT Portugal anuncia Paula Delgado como nova partner da empresa

“Bem-Estar e Felicidade Organizacional” são os temas para os quais a KEEPTALENT Portugal, empresa especializada em ajudar as empresas da…
Cabo Verde: Governo promete alargar proteção social

Cabo Verde: Governo promete alargar proteção social

O ministro da Família, Inclusão e Desenvolvimento Social de Cabo Verde, Fernando Elísio Freire, prometeu que o Governo vai alargar…
Irão apreende navio cargueiro com o bandeira portuguesa no Estreito de Ormuz

Irão apreende navio cargueiro com o bandeira portuguesa no Estreito de Ormuz

As forças iranianas foram acusadas de apreender um navio cargueiro, este sábado, no Estreito de Ormuz, a cerca de 80…
Moçambique: Confederação das Associações Económicas alerta para a possibilidade de escassez e subida de preços de produtos alimentares no sul do país

Moçambique: Confederação das Associações Económicas alerta para a possibilidade de escassez e subida de preços de produtos alimentares no sul do país

A Confederação das Associações Económicas de Moçambique alertou, esta semana, para uma eventual escassez de produtos agrícolas e consequente subida…