Angola

Angola: João Lourenço pede cumprimento das medidas de biossegurança

Presidente de Angola, João Lourenço
João Lourenço

O Chefe de Estado angolano, João Lourenço, apelou ao povo para que continuasse a cumprir as medidas de prevenção contra a pandemia da Covid-19. Tal deverá acontecer até que, pelo menos, uma parte considerável da população seja vacinada.

Para o governante, este não é o momento de relaxar, apesar de ver uma luz de esperança no horizonte. Apesar de 2021 trazer a esperada vacina, continuou, a mesma só será eficaz se, ao mesmo tempo, “conseguirmos manter muitos dos bons hábitos que a pandemia nos levou a praticar com maior sentido de responsabilidade”.

“Embora tivéssemos suportado cerca de 11 meses de sofrimento e privações, reiteramos o nosso apelo no sentido de mantermos, com rigor, as medidas de biossegurança respeitadas desde o início da pandemia, como o distanciamento social, o uso permanente e correto da máscara, higienização constante das mãos, o evitar aglomerações, festas e outras, até que uma parte considerável da nossa população seja vacinada”, declarou.

O Presidente da República dirigiu ainda uma palavra de encorajamento e de esperança a todos os angolanos que, devido às medidas aplicadas para travar a pandemia da Covid-19, perderam negócios, viram empresas encerrar ou perderam empregos. Segundo o próprio, 2021 será um ano melhor, de refazer os projetos da vida pessoal, familiar e profissional.

© e-Global Notícias em Português
1 Comentário

1 Comentário

  1. Pingback: José Eduardo dos Santos quer audiência com João Lourenço - Jornal O Kwanza

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo