Angola: Luanda recebe angolanos fugidos da Ucrânia

Os angolanos que moravam na Ucrânia e decidiram fugir, incluindo estudantes bolseiros refugiados em Varsóvia, na Polónia, chegaram a Luanda na madrugada desta segunda-feira, 07 de março. 

De acordo com um comunicado do Ministério das Relações Exteriores, divulgado pelo “Jornal de Angola”, o Governo criou condições de receção de todos estes cidadãos angolanos. Até sábado tinham chegado 277 cidadãos a Varsóvia. 

O Governo fê-lo através da Missão Diplomática na Polónia, no âmbito da efetivação do plano de contingência da evacuação dos cidadãos angolanos que se refugiaram no país europeu, vindos do território da Ucrânia, para fugirem ao conflito com a Rússia. 

Segundo o referido comunicado, o Executivo angolano mobilizou um meio aéreo – um Boeing Triple Seven – para trazer para Angola a totalidade dos cidadãos, incluindo os cônjuges nacionais e estrangeiros.   

“Dos 277 cidadãos acolhidos em Varsóvia, apenas trinta aceitaram embarcar para Angola, tendo os restantes decidido permanecer em solo polaco por sua conta e risco, o que exonera o Estado angolano de responsabilidades sobre estes cidadãos, exceto apoio consular possível”, pode ler-se no documento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Rússia recusa discutir segurança nuclear em Chernobyl

Rússia recusa discutir segurança nuclear em Chernobyl

A Rússia rejeitou nesta segunda-feira, 07 de março, a proposta da Agência Internacional de Energia Atómica (AIEA) para uma reunião…
Moçambique: INSS apela a contribuintes da empresa Dougongo Cimentos a aderir ao uso do sistema on-line

Moçambique: INSS apela a contribuintes da empresa Dougongo Cimentos a aderir ao uso do sistema on-line

A brigada da Delegação distrital do Instituto Nacional de Segurança Social (INSS) de Matutuine, na província de Maputo, deslocou-se, na…
Cabo Verde: Walter Barros luta contra a criminalidade com o projeto “Believe”

Cabo Verde: Walter Barros luta contra a criminalidade com o projeto “Believe”

O projeto “Believe”, foi criado dentro da cadeia de são Martinho pelo Walter Barros, em novembro de 2017 depois de…
Guiné Equatorial acolhe delegação da CPLP

Guiné Equatorial acolhe delegação da CPLP

Uma delegação da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) aterra na Guiné Equatorial esta segunda-feira, 07 de março, segundo…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin