Angola: Membros do BD criticam lista da UNITA

Vários membros do Bloco Democrático (BD), que integra a Frente Patriótica Unida (FPU), desaprovam a lista de candidatos a deputados apresentada pela União Nacional para a Independência Total de Angola (UNITA) para as eleições gerais angolanas, que acontecerão a 24 de agosto. 

Isto porque consideram que os nomes de membros do BD integrados na lista têm “poucas probabilidades” de serem eleitos no sufrágio, indica a “DW África”. Também a posição desses nomes na lista causou descontentamento interno. 

É a primeira vez que o BD admite publicamente a existência de divergências sobre assuntos internos. O descontentamento foi manifestado em carta aberta, fazendo parte do grupo o antigo vice-presidente do partido Luís Nascimento, o ex-candidato a secretário-geral Adão Ramos e o sindicalista Manuel de Victória Pereira. 

Na missiva é criticada a forma como as negociações decorreram na FPU, plataforma política conjunta que integra o BD, a UNITA e o PRA-JA Servir Angola. Victória Pereira acredita que a FPU revelou-se um “embuste, ou manobra de diversão, para sujeitar o Bloco Democrático a integrar alguns elementos seus na lista de candidatos da UNITA a deputados à Assembleia Nacional”

Alguns militantes questionam agora se foi boa ideia o BD integrar a FPU, depois de ter optado por abandonar a coligação CASA-CE

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Moçambique: XII Congresso da Frelimo encerra um dia mais cedo

Moçambique: XII Congresso da Frelimo encerra um dia mais cedo

O XII Congresso da Frelimo começou na passada sexta-feira, 23 de setembro, e iria terminar na quarta-feira, dia 28. No…
Cabo Verde: Donativos internacionais desceram mais de 30%

Cabo Verde: Donativos internacionais desceram mais de 30%

O Ministério das Finanças de Cabo Verde registou uma queda de 30% nos donativos internacionais recebidos até julho, comparativamente ao…
Angola: Secretário do MPLA no Rangel vigiado pelo SINSE

Angola: Secretário do MPLA no Rangel vigiado pelo SINSE

O primeiro secretário distrital do Rangel do MPLA, Josué Gourgel, está a ser vigiado pelo Serviço de Inteligência e Segurança…
Cabo Verde: UCID alerta para "reformas sem planeamento" na Educação

Cabo Verde: UCID alerta para "reformas sem planeamento" na Educação

A União Cabo-verdiana Independente e Democrática (UCID) partilhou a sua preocupação em relação à forma como tem sido implementada a…