Angola: MPLA defende-se da acusação de aliciar militantes da UNITA

O MPLA negou as acusações sobre o alegado “aliciamento” feito por parte do partido no poder aos militantes da UNITA, principal formação política da oposição em Angola. Segundo a organização, os 22 milhões de kwanzas (29 mil euros) são fruto “de uma denúncia feita pelo MPLA”.

“Esse é parte do dinheiro que a UNITA disponibilizou para aliciar arruaceiros e que só não foi disponibilizado porque nós denunciámos antecipadamente”, declarou o secretário para a Informação do Bureau Político do MPLA, Rui Falcão, através de uma nota divulgada à imprensa.

A reação do MPLA ocorre poucos dias após a UNITA ter anunciado que iria fazer uma queixa-crime à Procuradoria-Geral da República “contra o MPLA”, depois de reter 22 milhões de kwanzas resultantes, alegadamente, de uma “campanha de aliciamento” aos seus militantes.

A informação foi avançada em conferência de imprensa pelo secretário-geral da UNITA, Álvaro Chikuamanga, que acusou o MPLA de “estar por detrás” da campanha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Covid-19: Mais 13 mortes e 4.376 infetados em Portugal

Covid-19: Mais 13 mortes e 4.376 infetados em Portugal

O boletim epidemiológico, divulgado pela Direção Geral da Saúde esta terça feira, refere que o número de casos confirmados de…
Moçambique: Capacidade de internamento para doentes covid-19 esgotada na Província de Maputo

Moçambique: Capacidade de internamento para doentes covid-19 esgotada na Província de Maputo

Os Hospitais na Província de Maputo ficaram desde segunda feira,19 de julho, sem camas para pacientes com Covid-19. A terceira…
Moçambique: Deslocados tentam voltar a Quitunda após ataques

Moçambique: Deslocados tentam voltar a Quitunda após ataques

Os habitantes do aldeamento de Quitunda fugiram para o distrito de Palma após terem sido invadidos por terroristas. Quase quatro…
Timor-Leste: Governo aprova apoio de incapacidade devido a vacina contra Covid-19

Timor-Leste: Governo aprova apoio de incapacidade devido a vacina contra Covid-19

O Governo timorense aprovou nesta quarta-feira, 21 de julho, em Conselho de Ministros, a criação de apoios financeiros em caso…
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin