Angola | Especial COVID-19

Angola: Passageiros que regressam ao país passam a fazer quarentena domiciliar

A partir de hoje, 10 de agosto, todos os cidadãos angolanos ou estrangeiros residentes em Angola que regressem ao país passam a fazer quarentena domiciliar.O anúncio foi feito por Adão Almeida, Ministro de Estado e chefe da casa Civil do Presidente da República, que apresentou as medidas que vão vigorar a partir de hoje e por um período de 30 dias.

“Para os casos de estrangeiros não residentes provenientes do exterior e que não testem positivo para SARS-COV-2, é obrigatória a observância de quarentena institucional”, refere o decreto aprovado pelo Executivo angolano.

Angola mantém as fronteiras encerradas, mas admite situações excecionais para o regresso de cidadãos nacionais ou de estrangeiros residentes, ajuda humanitária, viagens oficiais, emergências médicas, estando a entrada em território nacional sujeita à realização de um teste de biologia molecular RT PCR com resultado negativo 72 horas antes.

O Governo vai renovar a cerca sanitária em Luanda e em Cazengo, no Kwanza Norte, informou também o ministro.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo