Angola

Angola: PIIM cria mais de 20 mil postos de trabalho

O Plano Integrado de Intervenção nos Municípios (PIIM) já criou 23 mil postos de trabalho temporários desde que entrou em vigência. Prevê-se que esse número aumente ao longo da execução dos vários projetos previstos para todo o país. 

Estes foram dados divulgados pela coordenadora do grupo técnico do PIIM, Laurinda Cardoso, numa conferência de imprensa realizada em Luanda. As declarações foram feitas após a 1.ª sessão ordinária da comissão interministerial para a implementação deste plano, orientada pelo ministro de Estado para a Coordenação Económica, Manuel Nunes Júnior. 

No encontro levado a cabo para avaliar as atividades desenvolvidas no ano passado, referiu-se igualmente que 75dos projetos integrados de um total de 1.749 foram já concluídos nas províncias de Benguela, Bié, Cabinda, Cuanza-Norte, Huíla e Luanda. 

Deste número, esclareceu também Laurinda Cardoso, 85% são da subordinação das administrações locais. Os restantes cabem aos governos províncias e central. 

Entre os diversos projetos previstos através do PIIM está a construção de hospitais, centros médicos, escolas e vias de comunicação e esquadras policiais. O Governo disponibilizou 133 mil milhões de kwanzas (165.212.000 euros) para esse efeito.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo