Angola

Angola: Polícia apreende mais de três mil armas no Moxico

Arquivo

A Polícia Nacional (PN) de Angola recolheu, ao longo dos últimos 11 anos, 3.513 armas de fogo de vários calibres na província do Moxico. Este procedimento ocorreu no âmbito do processo de desarmamento da população civil, que teve início em março de 2008.

Em declarações feitas a propósito do Dia Mundial pelo Desarmamento, assinalado a 09 de julho, o segundo comandante provincial da PN no Moxico, José Alberto Tchinhama, disse que, das armas apreendidas, 2.707 foram destruídas e 806 estão sob o controlo da polícia.

No quadro do processo salientou o contributo dos habitantes da região e dos camponeses, em particular, na denúncia dos locais em que as armas estavam escondidas. “Essa colaboração prossegue e tem permitido a recolha de mais armas”, afirmou.

O responsável referiu estar preocupado com o comportamento dos cidadãos que insistem em manter a posse de armas de fogo para fins criminais, tendo apelado para que os mesmos entreguem-nas às autoridades policiais, sob pena de serem responsabilizados criminalmente.

O Dia Mundial pelo Desarmamento tem com objetivo retirar o maior número possível de armas de fogo de circulação. Instituída pelas Nações Unidas em 2001, esta data encerra a semana de Ação Global contra a Violência Armada.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo