Angola

Angola: PR admite lesão do Estado em mais de USD 24 mil milhões

João Lourenço

O Presidente angolano, João Lourençoadmitiu que o Estado angolano terá sido lesado em valores superiores aos já anunciados 24 mil milhões de dólares (20 mil milhões de euros). Ainda segundo o próprio, deverão surgir “números bem maiores” à medida que se forem aprofundando as investigações judiciais. 

Num discurso sobre o Estado da Nação que marcou a abertura do ano parlamentar, ocorrida nesta quinta-feira, 15 de outubro, o governante abordou a luta contra a corrupção, que tem sido a bandeira do seu executivo. 

O político salientou a aprovação de diplomas fundamentais e os vários processo crime e cíveis em curso com alguns já transitados em julgado. 

Igualmente de acordo com João Lourenço, foi dito que o Estado terá sido lesado em, pelo menos, 24 mil milhões de dólares, porque não terminaram as investigações. 

“Dizemos pelo menos por que à medida que se vão aprofundando as investigações de alguns processos e seus protagonistas, vão se descobrindo coisas novas, sendo muito provável que mais tarde se venham a anunciar números bem maiores do que este, que, por si só, já ultrapassam a divida de Angola com seu principal credor”, sublinhou, na Assembleia Nacional. 

Também de acordo com o chefe de Estado, foram já recuperados cerca de 4,9 mil milhões de dólares (4,18 mil milhões de euros) entre imóveis, dinheiro e outros bens.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo