Angola: Produção de petróleo pode cair 20% até 2031

A consultora Fitch Solutions prevê que a produção de petróleo em Angola vai cair 20% até 2031. Segundo explicou, o motivo dessa previsão deve-se à maturação dos poços petrolíferos e à falta de investimento crónico em novas descobertas. 

“A principal razão para o crescimento medíocre da produção petrolífera é o efeito do legado da maturação dos poços petrolíferos”, pode ler-se numa nota da consultora, citada pela “Lusa”. 

Se isso acontecer, a produção ficará abaixo do limite definido pela Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP). 

A produção angolana anda em cerca de 1,1 milhões de barris por dia desde o princípio do ano, encontrando-se assim abaixo do limite de cerca de 1,5 milhões de barris por dia imposto pela OPEP. 

“A queda na produção dos poços atuais de Angola significa que é preciso uma taxa maior de crescimento da produção para manter a produção nos níveis atuais; Angola precisa de cerca de mais 36 mil barris por dia de produção para anular o impacto do declínio natural”, indicam os analistas da Fitch Solutions.

Deixe uma resposta




Artigos relacionados

Timor-Leste: Taxa de execução do OGE 2022 foi de 78,75%

Timor-Leste: Taxa de execução do OGE 2022 foi de 78,75%

O Governo de Timor-Leste executou em 2022 cerca de 78,75% do valor total do Orçamento Geral do Estado (OGE) desse…
Moçambique: Atraso de salários gera greve no município de Nacala

Moçambique: Atraso de salários gera greve no município de Nacala

Mais de setecentos funcionários e agentes do Estado afetos ao Conselho autárquico de Nacala, na província de Nampula, encontram-se em…
Cabo Verde: UCID comenta mensagem de Ano Novo do PR

Cabo Verde: UCID comenta mensagem de Ano Novo do PR

O líder da UCID, João Santos Luís, comentou nesta terça-feira, 03 de janeiro, a mensagem de Ano Novo do Presidente…
Brasil: Lula assina primeiros decretos para o novo governo

Brasil: Lula assina primeiros decretos para o novo governo

No dia em que assumiu a presidência do Brasil pela terceira vez, Luiz Inácio Lula da Silva assinou vários decretos…