Angola: Registo para eleições inicia em setembro e termina em março

O registo presencial dos cidadãos angolanos para as eleições de 2022 inicia-se já no próximo mês de setembro. O fim deste processo de inscrição está previsto para março do próximo ano.

A informação foi avançada pelo porta-voz da reunião do plenário da Comissão Nacional Eleitoral (CNE), Lucas Quilundo. Ainda segundo o próprio, é também em março de 2022 que começa o processo de atualização de residência dos eleitores.

A conclusão da data do registo para as eleições gerais surge na sequência do parecer solicitado pelo Ministério da Administração do Território, decidido favoravelmente após algumas horas de debate sobre os assuntos relacionados com a Lei do Registo Eleitoral Oficioso, dirigido pelo Presidente da CNE, Manuel Pereira da Silva.

“As conclusões saídas da reunião foram de que o plenário da Comissão Eleitoral deu parecer favorável ao período de início do registo eleitoral presencial e de atualização de residência dos cidadãos eleitores, por solicitação do Ministério da Administração do Território, nos termos do artigo 66 da Lei 8/15 de 15 de junho Lei do Registo Eleitoral Oficioso”, afirmou Quilundo.

Quanto à diáspora angolana, a mesma fonte disse que está acautelado o registo eleitoral no exterior do país para que esses cidadãos angolanos possam também votar. Esse registo “em princípio será efetuado nas missões diplomáticas consulares”.

“Mas apenas na modalidade de atualização de registo, não necessariamente como registo presencial”, explicou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Guiné-Bissau: Presidente exonera Chefe de Estado-maior da armada e vice do Exército

Guiné-Bissau: Presidente exonera Chefe de Estado-maior da armada e vice do Exército

Segundo uma nota do Gabinete de Comunicação da Presidência da República, citando o Decreto Presidencial, “é o Contra Almirante, Carlos…
Timor-Leste: Elaboração do Plano de Urbanização de Díli aprovada

Timor-Leste: Elaboração do Plano de Urbanização de Díli aprovada

O Conselho de Ministros de Timor-Leste aprovou a elaboração do Plano de Urbanização de Díli. O objetivo é melhorar a…
Angola: Governo aprova mais de 15 mil milhões de kwanzas para Agricultura e Pescas

Angola: Governo aprova mais de 15 mil milhões de kwanzas para Agricultura e Pescas

O ministro da Agricultura e Pescas de Angola, António Francisco de Assis, informou que foram aprovados mais de 15 mil…
MPLA, FRELIMO, ANC e SWAPO querem formação contínua dos militantes

MPLA, FRELIMO, ANC e SWAPO querem formação contínua dos militantes

Militantes e delegados dos partidos MPLA (Angola), FRELIMO (Moçambique), ANC (África do Sul) e SWAPO (Namíbia) terminam neste sábado, 26…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin