Angola: Terminais portuários entregues a multinacionais

Várias multinacionais estão interessadas na gestão privada do Terminal Multiuso do Porto de Luanda, como a suíça MSC, a Dubai Ports World e a China Merchants Ports. Estes candidatos são três dos dez maiores operadores de terminais de contentores do mundo.

Tal acontece em resposta à política de abertura promovida pelo Presidente da República de Angola, João Lourenço. O objetivo da mesma é atrair para o país algumas das maiores multinacionais no domínio do transporte marítimo.

Atualmente, novos operadores de magnitude mundial apostam no mercado local, 13 anos depois da Maerks. A corrida pelo controlo do Porto de Luanda, que movimenta mais de 50% da totalidade da mercadoria, poderá vir a proporcionar, durante a vigência do contrato, um volume de negócios na ordem de 1.220 milhões de dólares (1.040.150.000 euros).

O ministro dos Transportes, Ricardo Viegas de Abreu, disse em entrevista que a estratégia do Governo visa melhorar a economia angolana, que continua em crise. Esta agravou com a chegada da pandemia da Covid-19, como tem acontecido igualmente a nível mundial com outros países.

A política de privatizações e de concessões torna-se assim na aposta do Executivo de João Lourenço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *



Artigos relacionados

Guiné Equatorial: Dois militares julgados pelas explosões de março

Guiné Equatorial: Dois militares julgados pelas explosões de março

Dois militares, um oficial e um soldado, estão a ser julgados pelas explosões ocorridas em Bata, a 07 de março. O incidente aconteceu num acampamento militar, tendo causado 107 óbitos e 615…
Cabo Verde: Programa de governo prioriza Sistema Nacional de Saúde

Cabo Verde: Programa de governo prioriza Sistema Nacional de Saúde

O Programa de governo para a décima legislatura em Cabo Verde inclui um conjunto de investimentos que servem para melhorar o Sistema Nacional de Saúde (SNS),…
Timor-Leste apoiado pela UE na realização das presidenciais

Timor-Leste apoiado pela UE na realização das presidenciais

O embaixador da União Europeia (UE) em Timor-Leste, Andrew Jacobs, afirmou que a UE vai apoiar o Secretariado Técnico da…
Moçambique: População de Cabo Delgado faz novas queixas sobre FDS

Moçambique: População de Cabo Delgado faz novas queixas sobre FDS

A população de Macomia, situada na província moçambicana de Cabo Delgado, voltou a queixar-se de abusos e extorsões por parte das Forças de Defesa…
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin