Angola teve quebra no valor da receita turística no terceiro trimestre de 2019

O diretor do Gabinete de Estudos de Planeamentos Estatísticos do Ministério do Turismo de Angola, Mário Jacob Santos, informou que as receitas obtidas pelos serviços de hotelaria e turismo do país caíram para nove mil milhões de kwanzas (16 milhões de euros) no terceiro trimestre de 2019, o que representa uma descida de três mil milhões de kwanzas (5 milhões de euros), equivalente a 25%.

A mesma fonte referiu que está previsto que a receita turística do país em 2020 represente cerca de 0,8% do Produto Interno Bruto (PIB).

Nos últimos quatro anos, acrescentou, o desenvolvimento do setor turístico sofreu com a influência negativa da desaceleração da economia a nível internacional, o que se refletou na contração da atividade económica, no aumento exponencial das taxas de inflação, na degradação dos indicadores do setor fiscal e na redução significativa das reservas internacionais líquidas.

Essa situação, continuou, fez com que as metas do setor definidas no Plano Nacional de Desenvolvimento (2013/2017) não tivessem sido alcançadas. No entanto, realçou que se espera que o cenário mude neste ano, devido à previsão de crescimento da economia num total de 5,8%.

A entrada de turistas em Angola teve um abrandamento significativo por causa da crise económica e financeira que o país atravessa desde 2014, tendo o número médio registado 215 mil turistas ao longo dos últimos três anos, que compara com a meta de 512 mil turistas/ano inscrita no Plano Nacional de Desenvolvimento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Cabo Verde interessado em consolidar desenvolvimento sustentável com Portugal

Cabo Verde interessado em consolidar desenvolvimento sustentável com Portugal

O primeiro-ministro cabo-verdiano, Ulisses Correia e Silva, partilhou publicamente a vontade de consolidar o processo de desenvolvimento sustentável em Cabo…
Angola considera "excelentes" as relações com Portugal

Angola considera "excelentes" as relações com Portugal

O Ministério das Relações Exteriores de Angola afirma, através de uma nota de imprensa oficial, que as relações comerciais com…
Banco de Moçambique cancela registo de 15 operadores de microcrédito

Banco de Moçambique cancela registo de 15 operadores de microcrédito

O Banco de Moçambique decidiu cancelar o registo de 15 operadores de microcrédito. Estes passam a estar assim proibidos de…
Cabo Verde e Suíça decidem facilitar vistos de curta duração

Cabo Verde e Suíça decidem facilitar vistos de curta duração

Cabo Verde e Suíça acordaram que vão facilitar a emissão de vistos de curta duração, divulgou o Ministério dos Negócios…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin