Angola

Angola: UNITA confiante em chegar ao poder pela via democrática

Apoiantes da UNITA
Apoiantes da UNITA

O secretário do Comité Provincial da UNITA em Malanje, Mardanês Calunga, informou que o maior partido da oposição em Angola está a preparar as condições necessárias para o alcance do poder político em 2022. Recorde-se que as eleições gerais estão marcadas para esse ano. 

Calunga realçou que essa subida ao poder será feita através da via democrática. O uso da força foi então afastado do discurso do político, feito durante um acto que marcou o encerramento do ano político da UNITA em Malanje. 

A mesma fonte declarou ainda que a alternância do poder não se deve apenas à vontade do maior partido da oposição, mas também a “uma necessidade imperiosa dos angolanos”. 

Para o representante desta organização política angolana, a alternância do poder político é o segredo para a construção de um país mais democrático, aberto, justo e igual para todos os cidadãos. 

Nas eleições gerais de 2017 a UNITA alcançou 26,68% dos mais de quatro milhões de votos válidos. Dessa forma, conseguiu 51 dos 220 assentos da Assembleia Nacional. 

 em Malanje, o partido não conseguiu eleger deputados. Os cinco parlamentares que a província tem direito foram eleitos pelo MPLA, formação política no poder.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo