Angola: UNITA queixa-se de perseguição no Namibe

A UNITA queixou-se publicamente de haver perseguição de ativistas cívicos na província do Namibe. Segundo o maior partido da oposição em Angola, os visados têm recebido frequentes ameaças. 

E, com o aproximar das eleições gerais, previstas para agosto, os partidos políticos da oposição têm denunciado diversas restrições levadas a cabo no Namibe. O secretário provincial da UNITA no local, Américo Wongo, disse lamentar os constrangimentos pelos quais membros da formação política passaram, avança o “Angola 24 Horas”. 

De acordo com o político, no país prevalece o “cartão de militância, e não o bilhete de identidade”. “Temos ainda uma província onde, quando se pede um encontro, ou uma audiência, ainda se pergunta ao cidadão de qual grupo ele é, a qual família política ele [pertence]”, afirmou. 

O próprio secretário provincial referiu ser alvo de intimidações, realizadas por pessoas que geralmente o fazem em veículos que não podem ser identificados. “Os que estão a seguir-me, estão a fazê-lo para cuidar ou para me fazer mal?”, questionou. 

Wongo falou também sobre o clima de intimidação existente nos municípios de Virei, Camucuio e Bibala. “Existem aqueles que não podem pronunciar-se a favor da oposição”, desabafou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Moçambique: Filipe Nyusi inaugura Tribunal em Mocuba

Moçambique: Filipe Nyusi inaugura Tribunal em Mocuba

O Presidente da República de Moçambique, Filipe Nyusi, inaugurou, na manhã desta segunda-feira, 18 de Abril, o novo edifício do…
Brasil: À revelia da OMS, país decreta fim da pandemia de Covid-19 

Brasil: À revelia da OMS, país decreta fim da pandemia de Covid-19 

O ministro da Saúde brasileiro, Marcelo Queiroga, anunciou domingo, 17 de abril, o fim da emergência sanitária causada pela pandemia…
Cabo Verde: Olavo Correia eleito presidente do BIDC da África Ocidental

Cabo Verde: Olavo Correia eleito presidente do BIDC da África Ocidental

O vice-primeiro-ministro e ministro das Finanças de Cabo Verde, Olavo Correia, é o novo presidente do conselho de governadores do…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin