“Angola Cables” amplia Data Center no Brasil

Inaugurado em abril de 2019, com um investimento de aproximadamente R$ 1,2 bilhão, cerca de 240 milhões de euros, o Data Center “AngoNAP” tem registado crescimento médio de 56% ao ano, atingindo 121 clientes em abril de 2024, em comparação com os 29 clientes registados em abril de 2019.

Ângelo Gama, CEO da Angola Cables, destaca a importância do AngoNap Fortaleza ao longo de seus cinco anos de operação.

“O nosso Data Center Tier III tem sido fundamental para impulsionar a conectividade digital e facilitar a troca de tráfego entre empresas brasileiras e internacionais, tendo como foco o Ceará pela sua localização estratégica e serviços que agregamos”, afirmou.

“Nesse período, tivemos grandes conquistas e aprimoramentos, que reforçaram o nosso compromisso com excelência, como conexões locais e internacionais seguras e altamente escaláveis e a própria eficiência energética”, completou este responsável.

Operado localmente pela TelCables Brasil, braço da multinacional fornecedora global de serviços de rede e soluções digitais, o AngoNAP possui três mil metros quadrados e integra o complexo de cabos submarinos de fibra óptica SACS, que se liga a Luanda, em Angola, e o Monet, ligado a Miami, nos Estados Unidos, ambos operados pela Angola Cables.

Além disso, também dispõe de um Ponto de Intercâmbio de Tráfego de Internet, conhecido como PIX, que faz parte da malha de conectividade do IX.br (Brasil Internet Exchange). Atualmente, o AngoNAP é responsável por cerca de 30% do volume de dados e contribui para que Fortaleza seja o segundo ponto de troca de tráfego do Brasil.

Esta infraestrutura oferece conexões seguras nacionais e internacionais, com destaque à mais baixa latência para Estados Unidos, Europa e África. Atuando como porta de armazenamento e conectividade, o AngoNAP atende empresas locais oferecendo, também, soluções digitais. Com isso, a Angola Cables faz parte do marketplace da Empresa de Tecnologia da Informação do Ceará (ETICE), atendendo às empresas da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC).

“Atendendo a uma demanda crescente e garantir a oferta de serviços de alta qualidade, a Angola Cables irá ampliar a infraestrutura do AngoNAP, construindo um segundo Data Center. O projeto foi anunciado neste ano, em conjunto com o governo do Ceará”, disseram os seus responsáveis.

Segundo apurámos, o mercado de Data Centers no Brasil passa por um amplo processo de crescimento, consolidação e ampliação. E, se antecipando à evolução do mercado, o AngoNAP Fortaleza, Data Center Tier III da Angola Cables, comemora cinco anos de operação se preparando o futuro.

Ígor Lopes

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Maláui: Brigada Anticorrupção manda prender oito funcionários da Migração por suspeita de corrupção 

Maláui: Brigada Anticorrupção manda prender oito funcionários da Migração por suspeita de corrupção 

Oito funcionários do Departamento da Migração de Lilongue e mais dois civis foram, esta quinta-feira (11), detidos por suspeita de…
Portugal: Aposta na inovação no setor agroindustrial marcou celebração de 15 anos da InovCluster em Castelo Branco

Portugal: Aposta na inovação no setor agroindustrial marcou celebração de 15 anos da InovCluster em Castelo Branco

A InovCluster – Associação do Cluster Agroindustrial do Centro, uma das mais destacadas instituições no setor, localizada em Castelo Branco,…
Guiné-Bissau: Nabiam acusa Sissoco de pretender eliminar líderes políticos guineenses

Guiné-Bissau: Nabiam acusa Sissoco de pretender eliminar líderes políticos guineenses

O antigo Primeiro-ministro e líder da APU-PDGB, Nuno Gomes Nabiam, acusou, esta quinta-feira, 11 de Julho, o Presidente da República…
Moçambique: Actividade Económica continuou fechada na vila de Macomia enquanto FADM justifica a razão da morte de um comerciante local 

Moçambique: Actividade Económica continuou fechada na vila de Macomia enquanto FADM justifica a razão da morte de um comerciante local 

Na terça-feira (9) a vila de Macomia, centro de Cabo Delgado, ficou agitada na sequência de uma manifestação da população…