Chefe do Estado Maior congolês protesta contra violações do território por Angola

O chefe do Estado Maior General das Forças Armadas da República Democrática do Congo (RDC), General Célestin Mbala Musense, protestou junto do Ministro da Defesa congolês contra as violações do território marítimo da RCD por Angola, especificamente na cidade costeira de Moanda, mas também nos territórios de Tshela e Songololo, no Kongo Central.

Fazendo alusão a relatórios do Serviço de Informações Militares da RDC, o General Célestin Mbala Musense precisou que “militares das FAA (Forças Armadas Angolanas) multiplicam as incursões”, nas cidades referidas, alegando “perseguir os rebeldes da FLEC (Frente de Libertação do Enclave de Cabinda)”, denunciou o militar.

No mesmo documento o General Célestin Mbala Musense lembrou que a RDC e Angola são membros signatários do pacto de Paz da SADC (sigla inglesa da Comunidade de Desenvolvimento da África Austral) que no ponto 7 interdiz a “agressão de um dos Estados membros”.

O General Célestin Mbala Musense solicitou também ao Ministro da Defesa da RDC que interceda junto do seu homólogo angolano sobre o respeito das fronteiras da RDC, mas também que o Ministro dos Negócios Estrangeiros congolês utilize os mecanismos da SADC para “lembrar a Angola o respeito das clausulas da comunidade (SADC)”, lê-se no documento assinado pelo chefe do Estado Maior General das Forças Armadas da RDC.

One Comment

Deixe uma resposta




Artigos relacionados

O diário de Anne Frank regressa em 2023

O diário de Anne Frank regressa em 2023

Depois de uma temporada de 4 meses no Teatro da Trindade INATEL e com mais de 30 mil espectadores, o…
Angola: Consulado de Portugal abre agendamento para pedido de vistos

Angola: Consulado de Portugal abre agendamento para pedido de vistos

Consulado Geral de Portugal em Luanda anunciou a abertura, no próximo mês de fevereiro, de agendamento para pedido de vistos.…
Timor-Leste: Menos de metade dos beneficiários receberam cesta básica

Timor-Leste: Menos de metade dos beneficiários receberam cesta básica

As autoridades timorenses distribuíram cestas básicas a menos de metade dos beneficiários previstos durante os primeiros seis meses de implementação…
Cabo Verde: Governo fortalece cerco à criminalidade

Cabo Verde: Governo fortalece cerco à criminalidade

A Assembleia Nacional de Cabo Verde aprovou na especialidade, por proposta do Governo, as novas alterações ao diploma que aperta…