Criada aplicação para denunciar casos de irregularidades eleitorais em Angola

A associação “Friends of Angola” anunciou o lançamento da aplicação “ZUELA” (Fala em Kimbundo) que serve para examinar os casos “duvidosos” das eleições gerais em angola. A aplicação está preparada para smartphones com sistema android e iPhone, e serve para denunciar casos de corrupção e violação dos direitos humanos em Angola.

A app surge numa altura que o ato eleitoral marcado para o próximo mês de agosto em Angola está a ser posto em causa tanto pela oposição como também pela sociedade civil.

A “Friends of Angola” é representada pelo ativista angolano Domingos da Cruz. É uma organização não-governamental que está sedeada nos Estados Unidos da América e que lançou a aplicação com a intenção de serem denunciados casos de corrupção.

One Comment

  1. MJPTx

    E porquê não en Umbundo nem Português»??? Peb
    sem nisso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Angola mantém aposta na diplomacia económica

Angola mantém aposta na diplomacia económica

O ministro das Relações Exteriores de Angola, Téte António, reiterou a aposta do Governo na promoção da diplomacia económica. O…
Investigadora do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra ganha pela segunda vez concurso ERC

Investigadora do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra ganha pela segunda vez concurso ERC

A Investigadora Principal do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra (CES-UC), Ana Cristina Santos, acaba de ganhar um…
Cabo Verde: PR propõe fundos para autonomia dos municípios

Cabo Verde: PR propõe fundos para autonomia dos municípios

O Presidente da República de Cabo Verde, José Maria Neves, propõe a criação de um Fundo de Desenvolvimento Local e…
Timor-Leste: Representante da CPLP apela à participação nas presidenciais

Timor-Leste: Representante da CPLP apela à participação nas presidenciais

O chefe da missão de observação da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) às eleições presidenciais em Timor-Leste, o…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin