EUA consideram Angola “um parceiro muito valioso”

O secretário de Defesa dos Estados Unidos da América (EUA), Lloyd Austin, afirmou que Angola é “um parceiro muito valioso e um líder crescente na região”.

A declaração foi feita esta semana, durante a visita a Luanda, capital angolana, que tem como objetivo fortalecer as relações já existentes nos mais variados domínios.

O representante dos EUA foi recebido pelo chefe de Estado, João Lourenço, e reuniu-se com o ministro de Estado e chefe da Casa de Segurança do Presidente da República, Francisco Furtado.

Segundo Lloyd Austin, Washington está disponível para cooperar com Luanda no domínio da defesa contra a pirataria marítima e em operações de paz. O Governo norte-americano, acrescentou, quer também trabalhar no “fortalecimento da democracia, segurança, combate às grandes endemias e ameaças climáticas”.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Governo libanês reverte apelo para investigar crimes de guerra de Israel no Líbano

Governo libanês reverte apelo para investigar crimes de guerra de Israel no Líbano

Esta semana, o governo libanês anunciou que pretende recuar no pedido de investigações de crimes de guerra israelitas em solo…
Cabo Verde: Santa Catarina já conta com centro multifuncional para crianças especiais

Cabo Verde: Santa Catarina já conta com centro multifuncional para crianças especiais

Foi inaugurado, segunda-feira, em Santa Catarina, o Centro de Cuidados de Crianças e Adolescentes com Necessidades Especiais. Localizado no edifício…
África do Sul: Comissão Eleitoral Independente continua a processar os resultados da eleição de 29 de Maio

África do Sul: Comissão Eleitoral Independente continua a processar os resultados da eleição de 29 de Maio

Os órgãos eleitorais da África do Sul esperaram concluir este fim-de-semana a contagem dos votos das eleições gerais de 29…
Brasil: A Fundação AIS está solidária com as vítimas das trágicas inundações

Brasil: A Fundação AIS está solidária com as vítimas das trágicas inundações

A organização internacional católica Ajuda à Igreja que Sofre (Fundação AIS) está em estreito contacto com os seus parceiros locais…