Brasil: Bolsonaro anuncia regulação dos projetos de energia éolica em regiões marítimas e em águas abrigadas

O presidente Jair Bolsonaro anunciou terça-feira (24/1) o decreto que regula o empreendimento para geração de energia elétrica por meio de fontes eólicas em águas interiores e no mar, chamada de energia offshore.

A autorização para geração de energia elétrica offshore será autorizada pelo Ministério de Minas e Energia através da assinatura de contrato de cessão de uso onerosa de bem público.

O decreto define como os procedimentos deverão ser conduzidos, onde poderão ser apresentados os pedidos de cessão e quais os passos que o empreendedor deverá seguir para a execução do empreendimento. A cessão de uso poderá ser concedida através das seguintes maneiras: planeada, ou seja, na oferta de espaços previamente delimitados pelo Ministério de Minas e Energia a eventuais interessados; e cessão independente, quando o interessado no espaço para geração de energia eólica é feito pelo empreendedor.

Quando obtida a cessão de uso, o empreendedor terá obrigação de realizar os estudos necessários para identificação do potencial energético e atender aos critérios e prazos definidos pelo Ministério de Minas e Energia. O direito de exploração do serviço de geração de energia elétrica será dado após a realização de estudos para identificação do potencial de geração e autorização a ser dada pela Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica).

O Brasil 7.367 km de costa e 3,5 milhões km² de espaço marítimo sob sua jurisdição. O Plano Nacional de Energia 2050, elaborado pela EPE (Empresa de Pesquisa Energética), aponta para uma capacidade instalada de geração de energia elétrica por eólica offshore de 16 GW.

Carlos Vasconcelos – Correspondente

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Na província moçambicana de Nampula, 17.182 trabalhadores foram empurrados para o desemprego nos dois últimos anos na sequência da paralisação…
Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

O Presidente russo, Vladimir Putin, apelou ao Exército ucraniano para que retirasse o apoio ao Governo ucraniano, o que significa…
Ucrânia confirma ataques da Rússia a creches e orfanatos

Ucrânia confirma ataques da Rússia a creches e orfanatos

O ministro dos Negócios Estrangeiros da Ucrânia, Dmytro Kuleba, confirmou os relatos de ataques e bombardeamentos a creches e orfanatos…
Rússia prende mais de 1.800 manifestantes que são contra a guerra

Rússia prende mais de 1.800 manifestantes que são contra a guerra

As autoridades russas detiveram mais de 1.800 manifestantes que se opuseram à invasão à Ucrânia.  “Nós estamos preocupados com as…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin