Brasil e a democracia

Estudo da Universidade de Gotemburgo inclui Brasil entre os países com
maior declínio democrático do planeta

O Instituto Variedades de Democracia, da Universidade de Gotemburgo, na
Suécia, publicou o seu Relatório da Democracia 2021, que indica um
declínio democrático entre as nações do planeta. De acordo com o
estudo, 25 nações que incluem 1/3 da população mundial – 2,6
bilhões de pessoas – estariam experimentando uma onda acelerada de
autocratização. Brasil, Índia e Turquia estão colocados nesse rol.

Segundo o estudo, algumas situações se repetem em diversos países.
Ameaças à liberdade de imprensa, perseguição académica e repressão
de movimentos da sociedade civil, por exemplo. Os governos patrocinam a
polarização política por meio de desinformação disseminada pelas
redes sociais – as fake news.

Na tabela com os dez países que nos últimos dez anos passaram por um
processo de incremento no declínio democrático, ou na
autocratização, o Brasil aparece em quarto. Em primeiro lugar, está a
Polónia, em segundo Hungria, em terceiro Turquia. Depois do Brasil,
aparecem Sérvia, Benin, Índia, Ilhas Maurício, Bolívia e Tailândia.

Carlos Vasconcelos – Correspondente

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Moçambique: INGD alerta para risco de inundações e cheias

Moçambique: INGD alerta para risco de inundações e cheias

A presidente do Instituto Nacional de Gestão e Redução do Risco de Desastres (INGD) Luísa Meque, apelou às comunidades que residem nas…
Timor-Leste: Diáspora na Coreia do Sul enviou mais de USD 30 milhões

Timor-Leste: Diáspora na Coreia do Sul enviou mais de USD 30 milhões

Os trabalhadores timorenses na Coreia do Sul já enviaram para Timor-Leste, de 2009 a 2021, cerca de 39 milhões de dólares…
Cabo Verde: Plano Nacional de Habitação investe 1.500 ME até 2030

Cabo Verde: Plano Nacional de Habitação investe 1.500 ME até 2030

O Plano Nacional de Habitação de Cabo Verde estima um investimento de 1.500 milhões de euros até 2030. De acordo com a estimativa do referido…
Angola tem autossuficiência em seis produtos alimentares

Angola tem autossuficiência em seis produtos alimentares

O Governo angolano divulgou que o ananás, a banana, a batata-doce, a carne de cabrito, a mandioca e os ovos são os produtos que alcançaram a autossuficiência no país.  Isto…
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin