floresta queimada

Brasil: Empresas de retalho europeias ameaçam Brasil por causa da desflorestação na Amazônia

Dezenas de empresas europeias ameaçam parar de usar a produção brasileira por causa da nova proposta de lei que amplia os direitos de propriedade dos detentores de “terras públicas”.

Os defensores do meio ambiente alertam que a proposta irá incentivar a desflorestação ao recompensar os chamados “grileiros” na floresta amazônica, que ocupam propriedades ilegalmente, muitas vezes derrubando áreas para uso agrícola.

Nesta quarta-feira, um grupo de empresas europeias, que inclui os supermercados alemães Aldi e Lidl, bem como Tesco e Sainsbury’s do Reino Unido ou a Metro e John Lewis, pediu ao Congresso brasileiro que retirasse esta proposta de lei. Referem que os esforços do Brasil para proteger o meio ambiente são “cada vez mais inadequados”, e que este projeto de lei representa uma ameaça ainda maior para a Amazônia.

“Se essa ou outras medidas que prejudicam essas proteções existentes se tornarem lei, não teremos escolha a não ser reconsiderar nosso apoio e uso da cadeia de suprimentos de commodities agrícolas brasileiras”, escreveram as empresas europeias numa carta aberta aos legisladores brasileiros.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Moçambique depende menos de energia importada

Moçambique depende menos de energia importada

Moçambique é um dos maiores produtores de energia elétrica da África Austral, através da Hidroeléctrica de Cahora Bassa. No entanto, até 2016 continuava a…
Cabo Verde: Dívida interna sofre aumento de quase 14%

Cabo Verde: Dívida interna sofre aumento de quase 14%

A dívida interna de Cabo Verde subiu 13,8% desde o início de 2021. Esta percentagem representa 95.949 milhões de escudos, de acordo com o mais recente…
Angola e Áustria assinalam 40 anos de cooperação

Angola e Áustria assinalam 40 anos de cooperação

Angola e Áustria celebraram em Viena, capital austríaca, o 40º aniversário do estabelecimento das relações diplomáticas entre ambos os países. O evento contou com a…
Investigadores desenvolvem técnica inovadora que alivia a dor sem efeitos colaterais

Investigadores desenvolvem técnica inovadora que alivia a dor sem efeitos colaterais

Investigadores desenvolveram um método de estimulação completamente novo, usando microeletrodos ultrafinos, para combater a dor intensa. Esta técnica proporciona um…
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin