Brasil: Funcionários públicos federais ameaçam com greve geral no país por reajuste salarial

O presidente do Fórum Nacional das Carreiras Típicas de Estado (Fonacate), Rudinei Marques, indica que há dificuldade em negociar demandas do funcionalismo público no atual governo, e que houve um desmonte nas políticas de comunicação entre servidores e a cúpula do poder Executivo em Brasília. “Havia um histórico de negociação, uma mesa permanente de negociação”, apontou Rudinei, relembrando de um dispositivo que vinha desde o primeiro mandato de Lula (2003-2006) até o governo de Michel Temer(2016-2018).

“Estas mesas de negociação foram implodidas no governo Bolsonaro, e não temos mais este canal de diálogo com o Ministério da Economia”, complementou o presidente da Fonacate .

Com isso, Rudinei acredita que há ânimo e insatisfação suficiente para que os servidores entrem em greve geral nas próximas semanas, motivados pela falta de reajuste salarial que viria desde 2017. A falta de compensação das perdas é uma razão para a manifestação ocorrer – mas Rudinei indica que a própria pandemia apresenta novos tipos de entraves para a paralisação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Timor-Leste: Líder do PT é primeira candidata a registar-se nas presidenciais

Timor-Leste: Líder do PT é primeira candidata a registar-se nas presidenciais

A presidente timorense do Partido Trabalhista (PT), Ângela Freitas, foi a primeira a formalizar a sua candidatura às eleições presidenciais,…
Guiné Equatorial: Governo aprova listas de 4 mil empregos públicos

Guiné Equatorial: Governo aprova listas de 4 mil empregos públicos

O Governo equato-guineense aprovou a publicação das listas dos quatro mil empregos públicos oferecidos à população. As listas foram divulgadas…
Revista de Imprensa Lusófona de 26 de janeiro de 2022

Revista de Imprensa Lusófona de 26 de janeiro de 2022

Em Portugal o “Observador” escreve que “João Ferreira voltou com a missão de atacar PSD (e Chega). António Filipe chama…
Brasil regista maior taxa de transmissão de covid-19 desde julho de 2020

Brasil regista maior taxa de transmissão de covid-19 desde julho de 2020

A taxa de transmissão (Rt) da covid-19 no Brasil está em 1,78, de acordo com informações do Imperial College, de…
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin