Brasil: Leilão do 5G é o maior de sempre nas telecomunicações do país, com 15 empresas concorrentes

Está marcada para as 10h desta quinta-feira (4) a abertura do leilão do 5G no Brasil. O certame é considerado o maior da história das telecomunicações no país. Serão analisadas propostas apresentadas por quinze empresas, sendo que cinco delas já prestam serviços na área.

O governo federal calcula que a tecnologia impactará a economia brasileira em cerca de R$ 6,5 trilhões nos próximos 20 anos, com possibilidade de R$ 169 bilhões em investimentos totais no período. Pelas metas fixadas, todas as capitais terão de ter cobertura 5G até o fim do próximo ano. A cobertura nacional deve ser atingida em 2028.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, deve comparecer à cerimónia, realizada na sede da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) em Brasília. A análise e julgamento das ofertas serão transmitidas em tempo real. A previsão é de que o resultado seja conhecido só na sexta-feira (5).

O superintendente de Planejamento e Regulamentação da Anatel, Nilo Pasquali, explicou que, se não houver proposta para o Lote A1, nacional, na faixa de 700 MHz, por exemplo, esse lote será oferecido numa segunda ronda, dividido em quatro lotes regionais.

Carlos Vasconcelos – Correspondente

One Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Brasil: FMI anuncia previsão negativa para o crescimento do Brasil em 2022, apenas 0,3%

Brasil: FMI anuncia previsão negativa para o crescimento do Brasil em 2022, apenas 0,3%

O Fundo Monetário Internacional (FMI) derrubou as suas previsões de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil em 2022…
Moçambique: PM observa impacto da depressão tropical Ana em Nampula

Moçambique: PM observa impacto da depressão tropical Ana em Nampula

O primeiro-ministro moçambicano, Carlos Agostinho do Rosário, inicia nesta quarta-feira, 26 de janeiro, uma visita de trabalho à província de…
Cabo Verde: PAICV diz que falta de voos domésticas e custos elevados são grandes obstáculos ao desenvolvimento económico

Cabo Verde: PAICV diz que falta de voos domésticas e custos elevados são grandes obstáculos ao desenvolvimento económico

A declaração foi feita pelo porta-voz da Bancada parlamentar do PAICV, Walter Évora, durante a conferência de imprensa de balanço…
Angola: Governo aprova plano de endividamento para 2022

Angola: Governo aprova plano de endividamento para 2022

A Comissão Económica do Conselho de Ministros de Angola aprovou nesta terça-feira, 25 de janeiro, o Plano Anual de Endividamento…
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin