Brasil: Protocolo aproxima Minas Gerais da Região das Beiras em Portugal

A Câmara Portuguesa de Minas Gerais, no Brasil, assinou um protocolo de colaboração institucional com a Câmara de Comércio da Região das Beiras, em Portugal. O evento de assinatura deste documento decorreu no final do ano passado nas instalações do Labbing Santa Lúcia Coworking, em Belo Horizonte.

O objetivo do protocolo é “estabelecer uma colaboração profícua entre a Câmara de Comércio de Minas e a Câmara do Comércio da Região das Beiras, de modo a potenciarem, por via de iniciativas e ações conjuntas, as relações económicas e o relacionamento empresarial e institucional entre as Regiões das Beiras de Portugal e brasileira”.

Segundo apurámos, estão previstas “ações de sensibilização e de promoção de oportunidades de negócios e desenvolvimentos em ambos os países e, em especial, da Região das Beiras; a organização de seminários, apresentações, conferências e o envio de informação classificada, a fim de poder transmitir o máximo de informação comerciais e de investimento com interesse para ambas as partes e organizar missões empresariais e Fóruns Económicos quer na Região das Beiras quer em Regiões Administrativas do Brasil”.

Para Carlos Lopes, presidente-diretor da Câmara Portuguesa de Minas Gerais, esta iniciativa visa aproximar Brasil e Portugal. “Este é o primeiro grande passo que a nossa Câmara dá no sentido de tornar efetivos aqueles que são os nossos propósitos de aproximação ao território de Portugal, proporcionando a aproximação das empresas dessas regiões para explorarem este território numa perspetiva de investimento. Existem muitas potencialidades a serem mostradas. Devemos aproximar as pessoas e a cultura que nos une”, defendeu Carlos Lopes.

Ana Correia, presidente da Câmara de Comércio da Região das Beiras, defendeu que este protocolo é um elo importante entre Brasil e Portugal, com a possibilidade de se criarem “enormes sinergias entre as empresas das Beiras e de Minas Gerais, com fortes possibilidades de investimentos em ambos os países e, também, atuar em sessões de informação e atração de mão de obra especializada”.

Em dezembro, uma comitiva da Câmara de Comércio da Região das Beiras, incluindo o seu vice-presidente, João Morgado, recebeu Carlos Lopes no concelho do Fundão, numa reunião que serviu para alinhar ações futuras e temas que estarão na agenda de parcerias entre estas duas entidades.

Ígor Lopes

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Na província moçambicana de Nampula, 17.182 trabalhadores foram empurrados para o desemprego nos dois últimos anos na sequência da paralisação…
Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

O Presidente russo, Vladimir Putin, apelou ao Exército ucraniano para que retirasse o apoio ao Governo ucraniano, o que significa…
Ucrânia confirma ataques da Rússia a creches e orfanatos

Ucrânia confirma ataques da Rússia a creches e orfanatos

O ministro dos Negócios Estrangeiros da Ucrânia, Dmytro Kuleba, confirmou os relatos de ataques e bombardeamentos a creches e orfanatos…
Rússia prende mais de 1.800 manifestantes que são contra a guerra

Rússia prende mais de 1.800 manifestantes que são contra a guerra

As autoridades russas detiveram mais de 1.800 manifestantes que se opuseram à invasão à Ucrânia.  “Nós estamos preocupados com as…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin