Brasil: Tribunal aprova processo de privatização da estatal Eletrobras

O plenário do Tribunal de Contas da União (TCU) aprovou, nesta quarta-feira (18), por 7 votos a 1, a continuidade do processo de privatização da Eletrobras, estatal que atua nas áreas de geração e transmissão de energia.

Dos oito ministros que votaram na sessão, apenas Vital do Rêgo foi contra. O ministro chegou a pedir a suspensão do processo até o tribunal concluir uma fiscalização sobre dívidas judiciais da companhia, que poderiam causar uma subavaliação da estatal. Os ministros negaram o pedido de suspensão, também por 7 a 1.

O Ministério de Minas e Energia (MME) e o Banco Nacional de Desenvolvimento Económico e Social (BNDES) – que auxilia na operação – deverão cumprir algumas determinações e recomendações do tribunal, mas sem prejuízos à continuidade do processo.

O julgamento desta quarta-feira era a segunda e última etapa de análise no TCU. Nessa etapa, o tribunal avalia o modelo de venda proposto pela União, incluindo faixa de valor das ações a serem ofertadas na bolsa de valores. 

A primeira etapa já tinha sido aprovada em fevereiro. Na ocasião, os ministros analisaram e aprovaram o chamado “bônus de outorga” que, após a privatização, a Eletrobras deverá pagar à União pela renovação dos contratos das 22 usinas hidrelétricas da empresa.

O governo optou por realizar a privatização na forma de uma capitalização, ou seja, serão ofertadas novas ações da Eletrobras na bolsa de valores, em uma oferta que não será acompanhada pela União. Com isso, a União deixará de ser a acionista controladora da empresa.

Quando o processo for concluído, a estatal se tornará uma empresa sem controlador definido. Modelo semelhante foi adotado na privatização da Embraer. Nenhum acionista terá poder de voto superior a 10% de suas ações. O objetivo é justamente pulverizar o capital da empresa, de modo a não ter nenhum grupo dominante sobre as suas decisões.

Carlos Vasconcelos – Correspondente 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

STP: Parlamento elege José Carlos Barreiro para liderar a comissão eleitoral nacional

STP: Parlamento elege José Carlos Barreiro para liderar a comissão eleitoral nacional

O Parlamento São-tomense elegeu, no passado dia 16 de maio, em plenário, o juiz de direito, José Carlos Barreiros, como…
Angola: MPLA no Uíge pede unidade e coesão no partido

Angola: MPLA no Uíge pede unidade e coesão no partido

O primeiro secretário do Comité Provincial do MPLA no Uíge, José Carvalho da Rocha, voltou a apelar à unidade e…
Cabo Verde: MpD diz que Porto Novo é "exemplo a seguir" na agricultura

Cabo Verde: MpD diz que Porto Novo é "exemplo a seguir" na agricultura

Os deputados do Movimento para a Democracia (MpD) eleitos por Santo Antão destacaram o concelho do Porto Novo como “exemplo…
EUA assumem controlo da embaixada do Afeganistão

EUA assumem controlo da embaixada do Afeganistão

O Departamento de Estado norte-americano informou que os Estados Unidos da América (EUA) assumiram o controlo da embaixada do Afeganistão…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin