Cantor luso-brasileiro Lucca Lima aposta em carreira internacional em Portugal

Lucca Lima é um cantor brasileiro que aposta no estilo sertanejo para aproximar Brasil e Portugal. Nascido em São Paulo, mais precisamente em Mogi das Cruzes, este jovem de 30 anos tem várias das suas músicas sendo tocadas em muitas redes sociais de sucesso e também em várias rádios por diversos países.

Atualmente, Lucca Lima, que mantém grandes ligações com a comunidade luso-brasileira, está a negociar apresentações na Europa, incluindo Portugal e, claro, na Suíça. Conversamos com este artista, que não escondeu a satisfação em poder levar o seu trabalho para o seio das comunidades portuguesas espalhadas pelo mundo.

Quem é Lucca Lima?

Um cantor intenso em tudo o que faz. Que sempre manteve a sua essência, personalidade e estilo musical, mas também que gosta muito de viajar por outros géneros musicais para agregar e enriquecer ao meu estilo musical e ao meu trabalho que é o sertanejo.

Que artistas portugueses acompanha?

Diogo Piçarra, Fernando Daniel, Bárbara Bandeira, David Carreira, Calema, Michael Carreira e Roberto Leal, entre outros.

Onde já se apresentou?

Já cantei em várias cidades e estados do Brasil. Costumo sempre me apresentar em grandes eventos, casas de shows etc…

Quando começou na música?

Comecei na música tocando bateria aos quatro anos de idade, mas ainda não me via cantando e, conforme o tempo foi passando, fui me descobrindo musicalmente e, aos 12 anos, já estava cantando, compondo e tocando outros instrumentos também. Com isso, já estava sendo chamado para cantar em festas com amigos e me descobrindo como cantor, até que comecei a fazer participações em concertos de cantores nacionalmente de sucesso, adquirindo novas experiências que carrego comigo como aprendizado e hoje estou aqui contando a minha história na música brasileira e internacional.

Que estilos segue?

Sigo o estilo sertanejo, que eu aprendi a amar e sou apaixonado desde então, que através do meu pai sempre ouvia e também é apaixonado pela música sertaneja. Mas, além do sertanejo, gosto de outros ritmos musicais, pois a música é infinitamente abrangente e toca a todos nós, Não vivemos sem música.

Qual a sua ligação a Portugal?

A minha ligação a Portugal já começa na família. Sou bisneto de português e todo brasileiro tem um pouco de Portugal dentro de nós, começando pela história do nosso país. Brasil e Portugal já têm uma ligação grande. E pelos meus fãs que abraçaram as minhas músicas, começando pela “LOBO MAU” e, agora, as demais músicas, que a cada dia me fazem sentir um pouco português e a vontade de cantar. Tenho também uma experiência com o Rancho Folclórico do Arouca Barra Clube, do Rio de Janeiro, que traz a cultura das danças portuguesas e isso me fez querer levar mais longe as minhas músicas a esse país.

Qual é o perfil do seu público?

O meu público é eclético, tem de todo tipo de pessoas, desde crianças às pessoas maduras, e isso é uma coisa que me deixa muito feliz de saber que a minha música faz alguma diferença na vida das pessoas, não importa a idade, mas que transmite a mensagem que cada um entende para si.

Como está a sua carreira no Brasil?

A minha carreira no Brasil está crescendo dia a dia. Hoje pertenço ao cast da gravadora Radar Records, que acredita no meu potencial e trabalho juntamente com a minha empresária Flávia Freire e toda a equipa. Tive a felicidade de ficar entre os dez artistas mais tocados na Região Sul do Brasil com a música “LATINO AMERICANA”, juntamente com o cantor romeno Jimmy Dub. Em janeiro, lançamos a música “PRONTINHA”, que já se tornou num hit com coreografia nas redes sociais com o seu ritmo e dança. Em breve, mais um lançamento, com a música “DIREITOS IGUAIS”, com uma outra pegada, onde as pessoas irão se identificar muito pela verdade na sua letra.

Quais os seus objetivos e sonhos?

Tenho muitos objetivos e sonhos na vida, mas tenho objetivos de ver cada projeto meu sendo realizado e aceito por cada fã, podendo alcançar outras vidas que venham se tornar fãs e que as minhas metas profissionais sejam alcançadas. E sonho primeiramente em ter saúde, em conseguir chegar aonde eu quero, que eu feche os meus olhos e consigo me ver. O meu sonho é ver a minha família bem, as pessoas que eu gosto felizes, a minha carreira andando, bastantes concertos e conseguir alcançar muita gente com a minha música e que eles possam se sentir felizes com o meu trabalho.

Quais são as suas músicas de sucesso?

A música sertaneja sendo tocada na Europa, incluindo a minha música, isso não tem preço, é motivo de muita felicidade e alegria pra mim. Graças a Deus as músicas que tenho lançado têm feito muito sucesso, não só no Brasil, mas em todo o mundo. Todas as músicas que são lançadas por mim têm o seu momento e o público que me acompanha fica ansioso pelas próximas que serão lançadas e que serão hit. A “LOBO MAU” foi a música que me marcou no cenário musical, onde as pessoas me reconhecem como o cantor Lucca Lima, depois dela, vieram outras e hoje o hit “PRONTINHA”, que está em grande e tocando bastante. Amo todas as minhas músicas, canto o que eu acredito e tento passar isso para todos os meus fãs, pois cada música tem a sua história, um momento que transmite alguma verdade e que vai tocar em cada um de nós de uma forma diferente para a vida toda.

Ígor Lopes

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Timor-Leste: Ramos-Horta volta a ser Presidente da República

Timor-Leste: Ramos-Horta volta a ser Presidente da República

O candidato presidencial José Ramos-Horta foi escolhido pela maioria do povo timorense para ocupar novamente o cargo de Presidente da…
Guiné Equatorial: Vice-PR trabalha na redução de tarifas portuárias

Guiné Equatorial: Vice-PR trabalha na redução de tarifas portuárias

O Vice-Presidente da Guiné Equatorial, Teodoro Nguema Obiang Mangue, ordenou que fosse criada uma comissão mista para analisar a falta…
Moçambique: Professores respondem em tribunal por venda de marfim

Moçambique: Professores respondem em tribunal por venda de marfim

No distrito de Gorongoza, província moçambicana de Sofala, três professores, afectos em escolas locais, vão responder em tribunal nos próximos…
Ucrânia: Zelensky descreve Exército russo como o "mais bárbaro" da História

Ucrânia: Zelensky descreve Exército russo como o "mais bárbaro" da História

O Presidente da Ucrânia afirmou que a Rússia está a “apostar tudo o que têm” no território ucraniano. Para Volodymyr…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin