Brasil

Governo brasileiro quer portugueses a visitarem a Amazônia

O governo brasileiro está a utilizar o tema do ecoturismo como forma de atrair mais turistas portugueses para o país. Durante viagem institucional a Portugal, nas últimas semanas, o presidente do Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur), Gilson Machado Neto, apresentou os planos da entidade para alcançar esse objetivo, tendo como foco a promoção da região amazônica. Atualmente, 150 mil portugueses visitam o Brasil por ano.

“É importante ressaltar, para a imprensa internacional, as mudanças que estão acontecendo no Brasil, principalmente no setor de turismo. Finalmente, um presidente da República trata o setor como prioridade e luta para estimular políticas positivas que vão desde a divulgação do nosso País até a melhoria da infraestrutura para o atendimento do turista”, destacou Gilson Machado Neto.

 

Turismo e natureza

O encontro serviu também para que a Embratur apresentasse a sua “nova política de estímulo do ecoturismo” no País.

“O Brasil possui a maior biodiversidade do mundo, sendo o único com seis biomas (conjunto de diferentes ecossistemas)”, avançou fonte do governo brasileiro.

Responsáveis pelo setor do turismo no Brasil deixaram o convite aos portugueses para que visitem a Amazônia e acompanhem o trabalho realizado para a sua proteção.

“Possuímos recursos naturais inigualáveis no mundo. Somos o país que mais preserva a Amazônia, com 60% do território intacto, e, não tenho dúvidas, somos a melhor opção para o turista europeu que busca o ecoturismo”, afirmou Gilson Neto.

 

Roteiro tradicional

Segundo dados do governo liderado por Jair Bolsonaro, tradicionalmente, os portugueses que visitam o Brasil preferem destinos como Rio de Janeiro e São Paulo, além da região do Nordeste.

“O Brasil tem tudo que o turista quer, da praia ao campo. Os nossos aeroportos, inclusive os do Nordeste, foram modernizados e a nossa infraestrutura turística está pronta para receber ainda mais turistas portugueses. Sol e água quente 365 dias do ano”, frisou Gilson Neto.

 

Novas ações

Ainda em solo lusitano, o diretor de Marketing da Embratur, Osvaldo Matos, conversou com a imprensa sobre os principais projetos do Instituto e sobre sua futura transformação em agência.

“Estamos divulgando ações importantes como o Rei do Rolê, onde estrangeiros conhecerão o Brasil por 30 dias gratuitamente. Queremos aproximar o mundo das belezas e da cultura brasileira. Nos próximos anos, com mais recursos, poderemos ampliar as nossas estratégias”, concluiu Matos.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo