Cabinda: MIC acusa Angola de “planos maquiavélicos” contra movimento independentista

O Movimento Independentista de Cabinda (MIC) “repudia e condena a atitude da segurança do Estado Angolano” em “arquitectar planos maquiavélicos” contra a organização cabindesa, lê-se num comunicado.

“O MIC se tornou num espinho no calcanhar de Luanda, pelo facto de esta organização ter como pedra angular a luta pela independência de Cabinda”, refere o mesmo documento.

“As subsequentes actividades sediciosas realizadas por esta organização nacionalista, tem obrigado a deslocação secreta dos altos funcionários da Casa de Segurança do Presidente como também altas figuras do Ministério da Defesa para aquela colónia angolana”, denuncia o MIC que afirma pretenderem recolher dados que “possam ser úteis na elaboração de planos nefastos contra os altos dirigentes do MIC e consequentemente causar instabilidade que possa por em causa a sobrevivência do movimento”.

O Movimento Independentista de Cabinda aponta também a Segurança do Estado angolano de estar a preparar “um conjunto de planos macabros contra o MIC” que prevêem “aliciar ou assassinar os altos dirigentes do movimento, difundir falsas informações para intoxicar a sociedade cabindesa, sobre a existência de várias fracções do MIC dentro e fora” de Cabinda “tal como fez com a FLEC/FAC, que ulterior fez nascer a FLEC/Renovada”.

No mesmo documento o Bureau Político do MIC esclarece que “não existirá nenhuma fracção do MIC” e que “existe apenas um MIC que é liderado” por Carlos Vemba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Moçambique: Renamo comenta "invenção da Frelimo" sobre Junta Militar

Moçambique: Renamo comenta "invenção da Frelimo" sobre Junta Militar

O secretário-geral da Renamo, André Mangibire, afirmou à “STV” que duvida da existência de um novo líder da Junta Militar…
Timor-Leste: Candidatos presidenciais assinam pacto da unidade nacional

Timor-Leste: Candidatos presidenciais assinam pacto da unidade nacional

A maioria dos candidatos presidenciais assinou nesta segunda-feira, 28 de fevereiro, o pacto da unidade nacional. O objetivo é assegurar a…
Cabo Verde: Brava anuncia formação gratuita em Marketing Digital

Cabo Verde: Brava anuncia formação gratuita em Marketing Digital

Já estão abertas as inscrições para uma formação gratuita em Marketing Digital na ilha da Brava, avança “A Nação”. Esta…
Ucrânia: Presidente assina pedido de adesão à União Europeia

Ucrânia: Presidente assina pedido de adesão à União Europeia

O Presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, assinou nesta segunda-feira, 28 de fevereiro, o pedido formal de adesão à União Europeia…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin