Cabinda

Cabinda: Quatro jovens abatidos por militares angolanos em Binga Grande

FAA angola
Arquivo

Quatro jovens terão sido abatidos na aldeia Binga Grande na região de Buco Zau, a 1 e 4 de Agosto, por uma patrulha mista composta por polícias e militares angolanos das Forças Armadas Angolanas (FAA).

O primeiro incidente ocorreu a 1 de Agosto quando elementos da polícia angolanas “abateram friamente um jovem garimpeiro”.

A 4 de Agosto, três jovens, acusados pelas FAA e pela polícia angolana de pertencerem à resistência cabindesa, foram igualmente abatidos.

A duas acções terão ocorrido na aldeia de Binga Grande, na região de Buco Zau, denunciou o secretário-geral da Frente de Libertação do Estado de Cabinda (FLEC-FAC), Jacinto António Télica através de um comunicado enviado à redacção da e-Global.

No mesmo documento a FLEC-FAC afirma que a população cabindesa “sujeita-se às consequências de uma violência que com muita frequência não faz a diferença entre os civis e os militares das FAC”.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo