Cabo Verde: Diáspora cabo-verdiana acusa Governo de abandono

Mais de 50 cabo-verdianos encontram-se retidos, há já cerca de três meses, nos países europeus França, Bélgica e Holanda, devido ao fecho das fronteiras internacionais por causa da pandemia da Covid-19.

Um grupo de cidadãos afirmou que está desanimado com a situação e decidiu denunciar aquilo que considera ser o “descaso e abandono” por parte do Governo de Cabo Verde e das respetivas embaixadas nos países referidos.

Um dos visados disse que chegou à Holanda a 11 de março para consultas médicas, não pretendendo passar mais de 15 dias no local. No entanto, com o fecho das fronteiras no dia 18, continua com a família no mesmo sítio sem poder regressar a Cabo Verde.

Segundo a mesma fonte, foram feitas tentativas de regresso, mas sem sucesso. O desânimo com a situação surge também pelo facto de a mesma ter sabido que já houve, entretanto, voos para repatriar cabo-verdianos em outros países, tendo os mesmos chegado, alegadamente, vazios ou quase vazios ao arquipélago africano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Ucrânia pede sanções urgentes à Rússia

Ucrânia pede sanções urgentes à Rússia

A Ucrânia quer que a UE delineie rapidamente um pacote de sanções a ser usado contra a Rússia se o…
Moçambique: Ataques terroristas na província de Niassa deslocaram mais de 600 pessoas

Moçambique: Ataques terroristas na província de Niassa deslocaram mais de 600 pessoas

Os ataques terroristas na província de Niassa, que resultaram da expansão do grupo armado que ataca em Cabo Delgado, já…
Timor-Leste: Lu-Olo avança com ajuda alimentar a famílias desfavorecidas

Timor-Leste: Lu-Olo avança com ajuda alimentar a famílias desfavorecidas

O Presidente da República de Timor-Leste, Francisco Guterres Lu-Olo, promulgou o decreto-lei para a implementação das medidas de segurança alimentar previstas…
Moçambique: Governo quer alargar parque industrial em 2022

Moçambique: Governo quer alargar parque industrial em 2022

O portal oficial do Governo moçambicano informa que este pretende alargar em 2022 o parque industrial do país para setor de transformação. O objetivo é diminuir a importação de…
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin