América do Norte | Cabo Verde

Cabo Verde: EUA emitem alerta de segurança após ataque ao edil Óscar Santos

Bandeira dos Estados Unidos da América

Depois de o presidente da Câmara Municipal da Praia, Óscar Santos, ter sido baleado na segunda-feira, 29 de julho, a embaixada norte-americana na capital decidiu emitir um alerta de segurança, tendo dado alguns conselhos aos seus cidadãos, principalmente para que se mantivessem vigilantes.

Foi através de uma nota publicada nas suas páginas oficiais que a embaixada dos Estados Unidos da América (EUA) na Praia mencionou o ataque sofrido pelo edil cabo-verdiano, adiantando que a polícia está a investigar o incidente para descobrir quem são os autores do crime, cujo motivo ainda permanece desconhecido.

De acordo com o mesmo documento, o Governo dos EUA aconselha os seus cidadãos a “manter a vigilância” e a tomar algumas medidas de segurança, como acompanhar os meios de comunicação locais para atualizações e ter uma postura discreta e ciente do que se passa ao seu redor.

A embaixada recomenda igualmente aos cidadãos norte-americanos para que se mantenham alertas em locais frequentados por turistas, tendo ainda criticado o atentado contra a integridade física do autarca e manifestado a sua “total solidariedade” em relação ao mesmo e aos seus familiares, bem como a todos os seus colaboradores, apelando à “rápida e eficaz recuperação” do dirigente da maior autarquia do país.

Recorde-se que Óscar Santos foi atingido no braço direito, mas que se encontra estável e a recuperar em casa.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo