Cabo Verde

Cabo Verde: Governo autoriza compra urgente de equipamentos médicos para combater o coronavírus

O Governo cabo-verdiano autorizou a compra urgente de equipamentos médicos por 38,1 milhões de escudos, com o objetivo de que os estabelecimentos de saúde estejam preparados para enfrentar o novo coronavírus (Covid-19) se começarem a aparecer casos no país. 

A informação consta de um despacho do primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, que entrou em vigor a 28 de fevereiro, onde o Ministério da Saúde e da Segurança Social é autorizado a realizar despesas com o contrato de “equipamentos de saúde”, através de ajuste direto, no âmbito do Plano de Emergência de Luta Contra a Epidemia de Coronavírus, aprovado pelo Governo. 

“Torna-se necessário acautelar que os estabelecimentos de saúde tenham, urgentemente, todos os equipamentos indispensáveis para a prevenção e o tratamento da epidemia de coronavírus, se porventura se vier a verificar algum caso suspeito ou confirmado”pode ler-se. 

A autorização inclui a compra de aparelhos ventiladores pulmonares, aparelhos de radiografia portátil, carro de emergência, camas e macas, termómetros, estetoscópios e monitores de sinais vitais, entre outros instrumentos. 

É também referido que, devido às ligações aéreas mantidas com os países mais afetados pelo surto de coronavírus, e tendo em conta tratar-se “de uma epidemia altamente transmissível e sem tratamento antiviral específico”tal “aumenta o risco sanitário para uma eventual introdução desta doença no país”. 

O surto do coronavírus  matou, até ao momento, mais de três mil pessoas e infetou mais de 93 mil pessoas em vários países do mundo.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo