Cabo Verde: Governo recua na obrigatoriedade de máscaras na rua

O uso de máscaras na via pública em Cabo Verde tinha sido tornado obrigatório esta semana, depois de uma promulgação feita pelo Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca. Quem não cumprisse estaria sujeito a coimas.

No entanto, o Governo decidiu voltar atrás na decisão de combate à Covid-19. Agora, a utilização de máscaras faciais na via pública passa a ser “dever cívico dos cidadãos”.

Caberá às forças e serviços de segurança terem uma atuação com caráter “pedagógico e orientador”. Isto foi então o que ficou estipulado na alteração promulgada pelo chefe de Estado, que já foi publicada em Boletim Oficial.

“A presente alteração, para além de, na esteira do que sucede em outros países, estabelecer o uso de máscaras faciais em locais públicos, incluindo na via pública, enquanto medida de proteção adicional individual e da coletividade e expressão do dever cívico dos cidadãos, reforça também as medidas de controlo e de sanção ao incumprimento das obrigações impostas no diploma, considerando o grau de relaxamento e o risco dele adveniente, que se vem verificando no país”, pode ler-se no Boletim Oficial.

O arquipélago tem atualmente um total de 3.884 casos de Covid-19. Desses, 3.389 estão curados. Quanto às mortes causadas pelo novo coronavírus, o número situa-se nos 40.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Brasil: Guerra leva o país a escolher produzir fertilizantes em terras indígenas ou comprar do Irão 

Brasil: Guerra leva o país a escolher produzir fertilizantes em terras indígenas ou comprar do Irão 

A ministra da Agricultura do Brasil Tereza Cristina anunciou que vai apresentar um plano nacional para produção de fertilizantes no…
Moçambique: exoneração de Membros do Governo

Moçambique: exoneração de Membros do Governo

O Presidente da República, Filipe Jacinto Nyusi, no uso das competências que lhe são conferidas pela alínea a) do número…
Brasil não assina adesão à ação de 39 países contra o governo de Vladimir Putin 

Brasil não assina adesão à ação de 39 países contra o governo de Vladimir Putin 

O governo brasileiro não aderiu a uma ação de 39 países que solicitaram a abertura de investigações formais contra o…
Brasil vota nas Nações Unidas pela imediata retirada das tropas russas da Ucrânia 

Brasil vota nas Nações Unidas pela imediata retirada das tropas russas da Ucrânia 

A despeito da posição “neutra” declarada pelo presidente Jair Bolsonaro, o Brasil votou nesta quarta-feira (2) pela imediata retirada das…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin