Cabo Verde: Governo vai acabar com programa Casa para Todos

A ministra das Infraestruturas, Ordenamento do Território e Habitação de Cabo Verde, Eunice Silva, mencionou a intenção do Governo em encerrar o programa Casa para Todos. O motivo dever-se-á a vários problemas, explicou, que têm a ver, principalmente, com dívidas.

“É nossa intenção. Ainda não fechamos a questão da Casa para Todos. Tem muitos problemas, nem vale a pena aqui referir. Nós estamos a trabalhar para fechar, nós temos dívida para pagar”, disse nesta quinta-feira, 17 de novembro, citada pela “Inforpress”.

A dirigente esclareceu que o Estado vai, à medida que pode, no espaço orçamental, buscar o programa Casa para Todos e incluí-lo no orçamento. Salientou que várias habitações de classe B e C que eram para venda já foram convertidas em social.

As informações foram avançadas por Eunice Silva na ocasião em que foi ouvida em Comissão Especializada de Economia, Ambiente e Ordenamento do Território (3a CE), no âmbito da apresentação e discussão na Especialidade do Orçamento do Estado para o Ano Económico de 2023.

Deixe uma resposta




Artigos relacionados

Ecocentro Municipal da Lousã já encaminhou mais de 210 toneladas de resíduos

Ecocentro Municipal da Lousã já encaminhou mais de 210 toneladas de resíduos

O Ecocentro Municipal da Lousã recebeu e encaminhou, até ao momento, mais de 210 toneladas de resíduos diversos, como resíduos…
CCB: Arquitectura do Bacalhau de André Tavares e Diego Inglez de Souza

CCB: Arquitectura do Bacalhau de André Tavares e Diego Inglez de Souza

CCB . 24 novembro . 18h30 . Garagem Sul Qual é a arquitetura do bacalhau? É óbvio que um peixe…
Cabo Verde: PR quer reflexão sobre resultados das reformas legislativas dos últimos anos

Cabo Verde: PR quer reflexão sobre resultados das reformas legislativas dos últimos anos

O Presidente da República de Cabo Verde, José Maria Neves, considera necessário fazer “uma reflexão séria e isenta sobre os…
Angola: UNITA considera "injusta" proposta de Lei da Amnistia 

Angola: UNITA considera "injusta" proposta de Lei da Amnistia 

A UNITA considera a proposta de Lei da Amnistia “discriminatória e injusta”, uma vez que a mesma tem “zonas cinzentas”.…