Cabo Verde: José Maria Neves avisa sobre possíveis ataques nas eleições

O candidato presidencial José Maria Neves pede que seja feito um “controlo rigoroso” ao processo eleitoral e alerta para possíveis ataques ao sistema digital de contagem dos votos. 

O aviso foi feito nesta terça-feira, 12 de outubro, durante declarações dadas aos jornalistas em Pedra Badejo, Santa Cruz, onde esteve em campanha eleitoral. Segundo o político apoiado pelo PAICV, maior partido da oposição em Cabo Verde, em “condições normais” a sua candidatura ganhará as eleições já na primeira volta, marcada para domingo, dia 17. 

“A única questão agora é controlar o processo eleitoral, contagem também para ser feita da melhor forma possível. Sabemos que as tecnologias informacionais agora têm muitas fragilidades. Temos de assegurar que não haja ‘hackers’ possíveis que possam entrar no nosso sistema de contagem”, salientou. 

Neves aproveitou a ocasião para apelar mais uma vez ao povo cabo-verdiano que vá às urnas, onde poderá votar em consciência. O candidato realçou que se trata de eleições “extremamente importantes” para o país, uma vez que “definem o futuro de Cabo Verde nos próximos 10 a 15 anos”

Recorde-se que José Maria Neves concorre ao cargo de Presidente da República contra Carlos Veiga, Casimiro de Pina, Fernando Delgado, Gilson Alves, Hélio Sanches e Joaquim Monteiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

MPLA, FRELIMO, ANC e SWAPO querem formação contínua dos militantes

MPLA, FRELIMO, ANC e SWAPO querem formação contínua dos militantes

Militantes e delegados dos partidos MPLA (Angola), FRELIMO (Moçambique), ANC (África do Sul) e SWAPO (Namíbia) terminam neste sábado, 26…
Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

O presidente da Comissão de Administração Pública e Poder Local da Assembleia da República de Moçambique, Francisco Mucanheia, chefiou um…
Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

O Ministério das Finanças de Timor-Leste informou, através de um documento, que a construção do Porto de Tíbar chegou a 72%…
Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Na província moçambicana de Nampula, 17.182 trabalhadores foram empurrados para o desemprego nos dois últimos anos na sequência da paralisação…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin