Cabo Verde

Cabo Verde: Líder do MpD aconselha nova direção do grupo parlamentar do partido

Ulisses Correia e Silva

O presidente do Movimento para a Democracia (MpD), Ulisses Correia e Silva, pediu à nova direção do grupo parlamentar do partido, que foi eleita nesta segunda-feira, 06 de janeiro, “atenção especial” à vertente legislativa.

A declaração do também primeiro-ministro de Cabo Verde foi feita no final da votação, que confirmou a deputada eleita pelo círculo eleitoral do Maio, Joana Rosa, como nova líder do grupo parlamentar da formação política no poder, através de 28 votos a favor, três contra e uma abstenção.

Para o governante, existem iniciativas legislativas que são “muito importantes” e que devem ser colocadas na agenda parlamentar. “Chamo atenção para a vertente legislativa. O parlamento está a fazer muita ação de fiscalização, muitos debates, perguntas ao Governo, debates com os ministros, mas temos que ter espaço e tempo suficiente para poder fazer as leis avançar”, afirmou.

“Temos todo o pacote legislativo que está muito indexado às reformas, reformas muito delas estruturantes que vai exigir tempo, trabalho e muita disponibilidade para procurar consenso quando for necessário para termos a maioria qualificada exigida”, acrescentou.

Correia e Silva indicou a revisão do Código Eleitoral, cuja iniciativa do Governo já está pronta para ser debatida, bem como o estatuto especial para cidade da Praia e um conjunto de outras iniciativas, que, ajuntou, resultaram das 14 medidas para o reforço da segurança e do sistema de justiça, que devem entrar no Parlamento exigindo a maioria de dois terços.

O político apelou igualmente aos deputados do MpD para intensificarem as relações com os eleitores, desenvolvendo ainda mais a “reputação de proximidade”, que considera “algo muito inerente” à função dos deputados.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo