Cabo Verde

Cabo Verde: Líder do PAICV afirma que Governo só fez fóruns que não deram resultados

Líder do PAICV, Janira Hopffer Almada, no Parlamento de Cabo Verde

A líder do PAICV, Janira Hopffer Almada, criticou novamente o Governo, ao ter dito que este já fez “mais de três centenas” de fóruns e seminários, mas que os resultados dos mesmos ainda não trouxeram, na prática, ganhos efetivos e concretos para Cabo Verde.

A afirmação foi feita esta quarta-feira, 10 de julho, à margem da visita que a dirigente realizou à Associação dos Deficientes Visuais de Cabo Verde (ADEVIC), Handicap (Instituição de Cariz Social), para se inteirar das preocupações e dos constrangimentos dessas entidades, no âmbito da preparação do debate sobre o Estado da Nação.

Segundo a própria, o Governo tem promovido cortes na área social, concretamente nos apoios socioeducativos, bolsas de estudos, apoio às famílias carenciadas, mas “não tem problemas” em apoiar alguns projetos e fazer aquisições de bens, que, do ponto de vista da presidente do maior partido da oposição, “não constituem prioridades para o país”.

“Cabo Verde tem gastado muito com coisas supérfluas e tem se esquecido de questões fundamentais”, frisou, referindo também que o Executivo, três anos depois de ter subido ao poder, não conseguiu apresentar ao país um “programa consistente” de habitação, principalmente para as famílias mais carenciadas, de forma a diminuir o défice habitacional que existe quer do ponto de vista qualitativo, quer quantitativo.

“O país não tem recursos, entretanto não têm problemas em gastar mais de 600 mil contos [cerca de 5.441 euros] num ano para deslocações, viagens e estadias”, salientou, acrescentando que o Governo tem gasto “balúrdios” em comunicação, marketing e promoção da sua imagem, enquanto há entidades de cariz social com graves problemas financeiros e falta de equipamentos.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo