Cabo Verde

Cabo Verde: Miguel Monteiro apresenta queixa-crime contra o PAICV

Miguel Monteiro

O deputado nacional Miguel Monteiro, do partido Movimento para a Democracia (MpD), afirmou que vai apresentar queixas-crime na Procuradoria da República contra o Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV) por “tentativa de assassinato de carácter e de condicionamento” da sua atividade empresarial.

A decisão surge após o PAICV ter afirmado que o deputado da formação política no poder usava a sua influência política para o fornecimento de prestação de serviços da sua empresa IT Solutions.

Miguel Monteiro, que deixou há pouco tempo o cargo de secretário-geral do MpD, refutou em conferência de imprensa essas acusações e sublinhou que faz política com nobreza e honestidade.

Segundo o próprio, as queixas-crime vão ser apresentadas contra o jornal online “Santiago Magazine” e contra o membro da Comissão Política Nacional do PAICV, Fidel  Cardoso, por terem divulgado e feito, respetivamente, a acusação em conferência de imprensa, além de uma queixa-crime contra o próprio PAICV, maior partido da oposição no país.

O deputado frisou que a formação política liderada por Janira Hopffer Almada escolheu um alvo errado a abater e prometeu “continuar a trabalhar com mais dedicação e com sentido de serviço ao país, esperando sempre aquilo que é o interesse público, do privado”.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo