Cabo Verde: Novo PR empossado no início de novembro

O Presidente da República eleito em Cabo Verde no passado domingo, 17 de outubro, José Maria Neves, deverá ser empossado nos primeiros dias do próximo mês de novembro. Dia 09 é apontado como uma possibilidade. 

Neves informou que vão ser convidados para a cerimónia os Presidentes da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) e da Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO), bem como diversas personalidades nacionais e estrangeiras. 

Quando questionado sobre que dossiers merecerão mais a sua atenção durante o seu mandato, respondeu que o chefe de Estado deverá estar atento a todas as questões essenciais do país. Como tal, prosseguiu, “todos os dossiers merecerão a melhor atenção do Presidente da República”

José Maria Neves prometeu “estabilidade institucional e política”, sendo a reconstrução no pós-pandemia da Covid-19 e a mitigação de novo mau ano agrícola as suas prioridades. 

“Tenho dito, desde a campanha eleitoral, que eu serei um Presidente que une, que cuida, que protege, mas sobretudo um Presidente que vai garantir a estabilidade institucional e política, que é um recurso estratégico para o país. Vai colaborar com o Governo, com as autoridades locais, com Cabo Verde, para que encontremos as melhores soluções para o país”, reiterou. 

O novo governante disse ainda que os nomes para os chefes da Casa Civil e Militar deverão ser anunciados na próxima semana. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

MPLA, FRELIMO, ANC e SWAPO querem formação contínua dos militantes

MPLA, FRELIMO, ANC e SWAPO querem formação contínua dos militantes

Militantes e delegados dos partidos MPLA (Angola), FRELIMO (Moçambique), ANC (África do Sul) e SWAPO (Namíbia) terminam neste sábado, 26…
Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

O presidente da Comissão de Administração Pública e Poder Local da Assembleia da República de Moçambique, Francisco Mucanheia, chefiou um…
Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

O Ministério das Finanças de Timor-Leste informou, através de um documento, que a construção do Porto de Tíbar chegou a 72%…
Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Na província moçambicana de Nampula, 17.182 trabalhadores foram empurrados para o desemprego nos dois últimos anos na sequência da paralisação…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin