Cabo Verde: PAICV diz que Governo não vai deixar marca em São Vicente

Os deputados do PAICV em São Vicente consideram que o atual Governo deverá terminar o mandato “sem nada de concreto” realizado. Para os membros do maior partido da oposição em Cabo Verde, os governantes não deixarão “nenhuma marca” na ilha.

As observações foram feitas pelo porta-voz, João do Carmo, numa conferência de imprensa realizada nesta segunda-feira, 27 de julho, no Mindelo. Segundo o próprio, os eleitos do maior partido da oposição pelo círculo eleitoral de São Vicente fizeram um `check list´ de uma lista de compromissos com a ilha publicada pela formação política no poder, MpD, em 2016.

Dessa forma chegaram então à conclusão de que os membros do MpD “tristemente não realizaram nem 10% do prometido”.

“O balanço deste mandato, concretamente para São Vicente, é desastroso. Claramente, o MpD enganou os sanvicentinos”, acusou o deputado.

Entre as “promessas” constantes do documento encontram-se assim voos internacionais noturnos, refinaria de petróleo, sala de espetáculos para 1.500 pessoas e uma estrada que ligaria Lazareto a Calhau.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Brasil: Guerra leva o país a escolher produzir fertilizantes em terras indígenas ou comprar do Irão 

Brasil: Guerra leva o país a escolher produzir fertilizantes em terras indígenas ou comprar do Irão 

A ministra da Agricultura do Brasil Tereza Cristina anunciou que vai apresentar um plano nacional para produção de fertilizantes no…
Moçambique: exoneração de Membros do Governo

Moçambique: exoneração de Membros do Governo

O Presidente da República, Filipe Jacinto Nyusi, no uso das competências que lhe são conferidas pela alínea a) do número…
Brasil não assina adesão à ação de 39 países contra o governo de Vladimir Putin 

Brasil não assina adesão à ação de 39 países contra o governo de Vladimir Putin 

O governo brasileiro não aderiu a uma ação de 39 países que solicitaram a abertura de investigações formais contra o…
Brasil vota nas Nações Unidas pela imediata retirada das tropas russas da Ucrânia 

Brasil vota nas Nações Unidas pela imediata retirada das tropas russas da Ucrânia 

A despeito da posição “neutra” declarada pelo presidente Jair Bolsonaro, o Brasil votou nesta quarta-feira (2) pela imediata retirada das…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin