Cabo Verde: PAICV diz que oposição arrancou quase a ferro sessão parlamentar de abril

O líder do Grupo Parlamentar do Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV), Rui Semedo, afirmou que a sessão parlamentar de abril arranca nesta quarta-feira, dia 22, “quase que tirada a ferro”.

Tal acontece, alegadamente, apenas por exigência da oposição, que defende a continuidade do Parlamento, ainda que o país se encontre em estado de emergência.

A primeira sessão parlamentar deste mês, acrescentou o dirigente , deveria ter acontecido no dia 15. No entanto, a “resistência muito forte do Governo e do Grupo Parlamentar que sustenta o executivo” impossibilitou o parlamento de “cumprir regularmente o seu papel”.

Semedo defendeu que Cabo Verde não pode parar e que esta atitude de inviabilizar a sessão no início do mês coloca dúvidas quanto à possibilidade da realização de uma segunda sessão, considerada “importante” pelo PAICV, uma vez que a mesma inclui o debate com o primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, que “há muito tempo não tem havido”.

Apesar de ter reconhecido um grande esforço do Governo no combate à Covid-19, o político criticou as “falhas” e disse que a “situação do país não é boa porque à medida que os casos vão aumentando” vai sendo perdida a possibilidade do controlo da situação, o que implica que se corra atrás, quando, a seu ver, deveria estar à frente desta situação e contribuir da melhor forma para a sua prevenção.

Para o presidente do Grupo Parlamentar do maior partido da oposição em Cabo Verde, o envolvimento de todos “só pode acontecer se todos forem ouvidos e tiverem a oportunidade de dar a sua contribuição”, pelo que sugere um “debate responsável sem nenhuma preocupação de tentar apontar o dedo ao outro” para poder discutir a situação do arquipélago, que tem 67 casos positivos de Covid-19.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Banco de Moçambique cancela registo de 15 operadores de microcrédito

Banco de Moçambique cancela registo de 15 operadores de microcrédito

O Banco de Moçambique decidiu cancelar o registo de 15 operadores de microcrédito. Estes passam a estar assim proibidos de…
Cabo Verde e Suíça decidem facilitar vistos de curta duração

Cabo Verde e Suíça decidem facilitar vistos de curta duração

Cabo Verde e Suíça acordaram que vão facilitar a emissão de vistos de curta duração, divulgou o Ministério dos Negócios…
Timor-Leste: Debate de candidatos presidenciais adiado para 15 de março

Timor-Leste: Debate de candidatos presidenciais adiado para 15 de março

O Vice-Presidente da Comissão Nacional de Eleições (CNE), Domingos Barreto, informou que o debate público dos candidatos à Presidência da…
Moçambique: Maleiane ocupa cargo de primeiro-ministro

Moçambique: Maleiane ocupa cargo de primeiro-ministro

O chefe de Estado moçambicano, Filipe Nyusi, confere posse a Adriano Maleiane nesta sexta-feira, 04 de março. O ex-ministro da…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin