Cabo Verde: PAICV pede ao Governo que expanda luta pela igualdade de género à diáspora

A deputada Zenaida Borges, do PAICV, pediu ao Governo, mais precisamente ao Ministério dos Negócios Estrangeiros, para expandir o programa de luta pela igualdade e equidade de género às comunidades emigradas.

Assumindo-se como porta voz das comunidades emigradas devido à sua missão de deputada, Zenaida Borges, que falava em declaração política no Parlamento, no período de Questões Gerais, sugeriu que este alargamento seja feito em concertação com os setores da Família e Solidariedade Social e ainda o setor da Justiça, tornando a luta “muito mais abrangente” e cobrindo “todas as mulheres e homens cabo-verdianos”, dentro e fora do país.

“É preciso estender esta luta à nossa diáspora e integrá-la também no processo. Mas desejamos uma integração efetiva e com respaldo nos diferentes orçamentos, quer do Estado, como das setoriais”, declarou, considerando que essa efetivação poderá ser feita com projetos próprios financiados através da cooperação externa, bilateral e multilateral vocacionados para a diáspora, de forma a que se assuma, “por inteiro” e nas suas diferentes dimensões, o paradigma segundo o qual “ninguém deva ficar de fora”.

Para tal, a representante do maior partido da oposição em Cabo Verde sugeriu a criação de uma organização de “mulheres emigradas”, que teria como objeto a promoção da equidade de género nas comunidades emigradas, a luta contra todo o tipo de violência em relação às mulheres, crianças, adolescentes, homens e idosos e a cidadania, além do empoderamento da mulher emigrante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Revista de Imprensa Lusófona de 24 de março de 2023

Revista de Imprensa Lusófona de 24 de março de 2023

O portal do Governo de Moçambique publica que o “PR desafia PRM e SERNIC a aprimorarem capacidade operativa para estancar…
Moçambique: Mais água para população da vila de Metuge em Cabo Delgado

Moçambique: Mais água para população da vila de Metuge em Cabo Delgado

A população da sede do distrito de Metuge, estimada em mais de 33 mil habitantes, entre famílias acolhedoras e deslocadas…
Brasil: Autoridades do Rio de Janeiro indicam diminuição de roubos de rua, desde 2005

Brasil: Autoridades do Rio de Janeiro indicam diminuição de roubos de rua, desde 2005

Nos dois primeiros meses deste ano os roubos de rua (roubo a peões, roubo de telemóvel e roubo em transporte…
Angola: PR diz que indícios de crime contra presidente do TC eram "irrefutáveis"

Angola: PR diz que indícios de crime contra presidente do TC eram "irrefutáveis"

O Presidente da República de Angola, João Lourenço, partilhou nesta quarta-feira, 22 de março, que os indícios contra a ex-presidente…