Cabo Verde: PAICV pede intervenção do PR contra exclusão dos Mosteiros

Os deputados do PAICV eleitos pelo círculo eleitoral da ilha do Fogo pediram uma intervenção do Presidente da República junto do Governo, face à “exclusão” do município dos Mosteiros do plano de mitigação da seca.

Nuias Silva fez declarações à imprensa à saída de uma audiência com Jorge Carlos Fonseca, na qual fez-se acompanhar pela sua colega, Eva Ortet. “Fizemos essa visita ao Presidente da República para discutirmos alguns assuntos ligados ao processo do desenvolvimento da ilha do Fogo e solicitar, na medida do possível, a diplomacia de influência e uma intervenção do mais alto magistrado da Nação no sentido de apoiar alguns dossiês do processo do desenvolvimento da ilha do Fogo”, afirmou.

De acordo com o parlamentar, a conversa centrou-se na questão da exclusão dos Mosteiros do plano de mitigação da seca e do mau ano agrícola, tendo sido abordada com o Chefe de Estado “a situação real do ano agrícola” na ilha do Fogo e referido “que essa exclusão é prejudicial para o processo de coesão e do reforço das famílias do mundo rural, nomeadamente na obtenção de rendimentos através da produção agrícola”.

O membro do maior partido da oposição em Cabo Verde salientou que “não houve produção agrícola no Fogo que justificasse a exclusão do município dos Mosteiros”, razão pela qual solicitaram ao governante que, no seu diálogo com o Governo, “visse se há oportunidade de se poder criar mecanismos de socorrer ou de auxiliar a ilha do Fogo para a mitigação do mau ano agrícola, uma vez que há famílias do mundo rural que estão a sofrer com este problema”.

Nuias Silva realçou que o Presidente cabo-verdiano manifestou abertura em relação ao assunto. “Solicitou algumas informações e deixou-nos o compromisso que falará obviamente com o Governo até sexta-feira”, contou o deputado, que aproveitou para apelar também ao Governo para que “haja abertura suficiente para se reavaliar a situação” e poder introduzir o município dos Mosteiros no plano de mitigação da seca e do mau ano agrícola.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Ucrânia diz que não entra na NATO se garantirem segurança do país

Ucrânia diz que não entra na NATO se garantirem segurança do país

O ministro dos Negócios Estrangeiros da Ucrânia, Dmytro Kuleba, garantiu nesta quinta-feira, 10 de março, que o país está disposto…
Portugal respeita posição de Angola sobre guerra na Ucrânia

Portugal respeita posição de Angola sobre guerra na Ucrânia

O novo Embaixador português em Angola, Francisco Duarte, entregou nesta quarta-feira, 09 de março, cartas credenciais no Palácio Presidencial em…
SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE: Aumento do Salário mínimo

SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE: Aumento do Salário mínimo

O São-tomense e sindicados chegam ao consenso sobre o salário mínimo na função pública que sobe já a partir de…
SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE: Vila Nova arranca a semana da economia

SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE: Vila Nova arranca a semana da economia

São Tomé-10-Mar-2022- Iniciou na passada segunda-feira a semana nacional de Economia Azul, e foi presidido pelo Presidente da República Carlos…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin