Cabo Verde: PAICV preocupado com pobreza no Paul

O dirigente da bancada do PAICV, Nilton Delgado, realçou no discurso feito na sessão solene da Assembleia Municipal do Paul que a pobreza é o maior desafio neste concelho. 

De acordo com o político, a pandemia da Covid-19 tem piorado a situação de dificuldade das famílias que vivem na pobreza. 

“Os dados estatísticos indicam que mais da metade da população paulense, 52 por cento (%), é pobre, e desses, mais de 1000 pessoas vivem em extrema pobreza. Esse não é um indicador do qual orgulhamos”, afirmou. 

Delgado alertou as autoridades local e central pelo “movimento contrário” de êxodo dos paulenses, jovens que residiam em outras ilhas e que perderam os seus postos de trabalho. Assim, tiveram de que regressar ao concelho. 

“Este é mais um desafio para todos nós do setor político e instituições no sentido de darmos uma resposta a esses jovens e suas famílias”, defendeu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Moçambique: IESE diz que Covid-19 não foi principal causa de recessão do país

Moçambique: IESE diz que Covid-19 não foi principal causa de recessão do país

O Instituto de Estudos Sociais e Económicos (IESE) considera que a Covid-19 não foi a principal causa da recessão económica em Moçambique.…
Guiné-Bissau: Presidente exonera Chefe de Estado-maior da armada e vice do Exército

Guiné-Bissau: Presidente exonera Chefe de Estado-maior da armada e vice do Exército

Segundo uma nota do Gabinete de Comunicação da Presidência da República, citando o Decreto Presidencial, “é o Contra Almirante, Carlos…
Timor-Leste: Elaboração do Plano de Urbanização de Díli aprovada

Timor-Leste: Elaboração do Plano de Urbanização de Díli aprovada

O Conselho de Ministros de Timor-Leste aprovou a elaboração do Plano de Urbanização de Díli. O objetivo é melhorar a…
Angola: Governo aprova mais de 15 mil milhões de kwanzas para Agricultura e Pescas

Angola: Governo aprova mais de 15 mil milhões de kwanzas para Agricultura e Pescas

O ministro da Agricultura e Pescas de Angola, António Francisco de Assis, informou que foram aprovados mais de 15 mil…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin