Cabo Verde: PAICV quer que INE explique resultados do CENSO’2021

O PAICV partilhou publicamente as suas dúvidas em relação aos resultados do CENSO’2021, que indicam uma redução da população cabo-verdiana. Assim, decidiu pedir explicações ao Instituto Nacional de Estatística (INE).

O pedido foi feito numa conferência de imprensa realizada nesta segunda-feira, 06 de setembro, na cidade da Praia, através do membro da Comissão Política Nacional do PAICV, António Fernandes.

De acordo com o representante do maior partido da oposição em Cabo Verde, os resultados do CENSO’2021 indicaram um conjunto de alterações contra as projeções do próprio INE, entidade responsável pela produção de estatísticas oficiais.

“Alterações estranhas e históricas no Cabo Verde independente. Ao que se sabe de 2010 a 2020, à primeira vista não se vislumbra qualquer mudança significativa das circunstâncias económicas, políticas e outras que estão conduzindo essa redução da população residente”, explicou.

António Fernandes acrescentou que o INE “cometeu erros” na apresentação dos dados preliminares, ao apontar algumas das hipotéticas causas para a redução da população, entre as quais “a mortalidade por causas violentas e/ou saída de jovens para o exterior para a procura de trabalho”.

“As análises mostram que aquilo que é fluxo migratório, por si só, não justifica a questão da redução”, referiu, concluindo que, “fazendo fé nos resultados provisórios do Recenseamento geral da População e Habitação de 2021, Cabo Verde corre o risco de, antes de atingir a oportunidade demográfica, entrar em crise demográfica. Uma situação inédita na história do país e estranha no contexto mundial, se compararmos com os outros países no mesmo estádio de desenvolvimento”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Angola: Governo aprova mais de 15 mil milhões de kwanzas para Agricultura e Pescas

Angola: Governo aprova mais de 15 mil milhões de kwanzas para Agricultura e Pescas

O ministro da Agricultura e Pescas de Angola, António Francisco de Assis, informou que foram aprovados mais de 15 mil…
MPLA, FRELIMO, ANC e SWAPO querem formação contínua dos militantes

MPLA, FRELIMO, ANC e SWAPO querem formação contínua dos militantes

Militantes e delegados dos partidos MPLA (Angola), FRELIMO (Moçambique), ANC (África do Sul) e SWAPO (Namíbia) terminam neste sábado, 26…
Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

O presidente da Comissão de Administração Pública e Poder Local da Assembleia da República de Moçambique, Francisco Mucanheia, chefiou um…
Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

O Ministério das Finanças de Timor-Leste informou, através de um documento, que a construção do Porto de Tíbar chegou a 72%…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin