Cabo Verde

Cabo Verde: Primeiro-ministro obrigado a mexer no Governo após pedido de demissão

Ulisses Correia e Silva

O ministro cabo-verdiano do Turismo, Transportes e da Economia Marítima, José Gonçalves, decidiu pedir demissão do Governo, o que levou o primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, a mexer obrigatoriamente no seu Executivo, que terá dois novos ministros a partir desta sexta-feira, 10 de janeiro.

O ainda ministro José Gonçalves pediu demissão alegando razões pessoais, o que levou a que o atual secretário de Estado para a Economia Marítima, Paulo Veiga, ocupasse o seu lugar.

Já o atual presidente da Assembleia Municipal do Sal, Carlos Santos, foi escolhido para ocupar as funções de ministro do Turismo e Transportes.

O chefe do Executivo terá comunicado a decisão à Comissão Política do MpD nesta quarta-feira, dia 8, partido no poder do qual é líder, tendo o processo sido encaminhado para o Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, para conferir posse.

Se não houver percalços, os dois novos governantes tomarão posse na sexta-feira, no mesmo dia em que é igualmente empossado o ministro-adjunto do primeiro-ministro para a Integração Regional, Rui Figueiredo Soares, ex-líder do MpD.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo